quinta-feira, 16 de setembro de 2021

TRABALHADORES ITALIANOS SOFREM GRAVE AMEAÇA DE DEMISSÃO EM MASSA: ATUAL GOVERNO ESTAFETA DO CAPITAL FINANCEIRO IMPÕE VACINAÇÃO OBRIGATÓRIA PARA TODOS, QUEM NÃO ACEITAR ESTÁ NA RUA E SEM DIREITOS

O governo da Itália, encabeçado hoje pelo ex-presidente do Banco Central Europeu Mario Draghi, aprovou nesta quinta-feira (16/09) uma das medidas do fascismo sanitário mais rígidas do planeta, ao obrigar os trabalhadores de todos os setores a comprovarem vacinação ou apresentarem teste negativo ou prova de que se recuperaram recentemente da doença para estarem aptos a trabalhar.Quem não acatar a medida draconiana e se recusar a receber a vacina experimental da Big Pharma, poderá ser suspenso e ficar sem receber salário, além até de pagar uma pesada multa. O movimento operário mundial, ou pelo menos o que restou de genuíno e não corrompido pelo capital financeiro, deve iniciar imediatamente uma campanha de solidariedade e ação direta em defesa dos trabalhadores italianos ameaçados por um governo neofascista nos seus direitos mais básicos, como o emprego. 

EL SALVADOR: GOVERNO DE “ESQUERDA” QUE VIROU DIREITA ENFRENTA ONDA DE PROTESTOS

Quem militou na esquerda nos anos 80 e 90 não pode esquecer da lendária guerrilha da Frente Farabuto Marti de Libertação Nacional na pequena El Salvador, um país centro-americano. Conquistaram o poder não pela via revolucionária das armas, mas pela via eleitoral. Governaram o país por consecutivas gestões neoliberais, em parceria com a burguesia até que o “herdeiro” da FLMN, o atual presidente Bukele resolveu tirar a “máscara” e assumir o viés declarado de direita pró-imperialista. Com uma agressiva política econômica de “ajustes” sem nenhum tipo de demagogia Social Democrata, o país foi convulsionado por grandes manifestações exigindo o afastamento do presidente salvadorenho. Os atos de protesto coincidiram com a comemoração popular pelos 200 anos de independência do colonizador espanhol.Também houveram manifestações por soberania nacional nas ex-colônias, Guatemala e Honduras, no mesmo período.

O DEMOCRATA BIDEN ANUNCIA ALIANÇA MILITAR COM AUSTRÁLIA E INGLATERRA PARA ATACAR A CHINA: DERROTAR O IMPERIALISMO EM TODOS OS CAMPOS É A TAREFA NÚMERO 1 DOS REVOLUCIONÁRIOS! 

Em reunião virtual realizada nesta última quarta-feira (15/09) com os Primeiros-Ministros do Reino Unido e da Austrália, Boris Johnson, Scott Morrison, respectivamente, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, informou sobre a formação de uma “nova aliança de segurança e proteção.Trilateral cooperação em questões de defesa para o Indo-Pacífico”. A cooperação trilateral, que levará o nome de AUKUS, permitirá que os três países compartilhem informações e conhecimentos em áreas de tecnologia de defesa avançada, como inteligência artificial, cibernética, quântica, sistemas subaquáticos e capacidades de ataque a longa distância. A iniciativa do imperialismo ianque em um pacto militar atômico no Pacífico é bem clara, acuar a China em sua própria área de influência geográfica e política, utilizando para esse fim a colônia capitalista da Austrália. 

PT ABRIGA OS PARTIDOS DA DIREITA NO SEU “FICA BOLSONARO” DO 2 DE OUTUBRO... E LULA “NAMORA” COM LUIZA TRAJANO PARA REPETIR A ALIANÇA ELEITORAL QUE FEZ COM O EMPRESARIADO EM 2002

O ex-presidente Lula da Silva escreveu um artigo sobre a empresária privatista Luiza Trajano, publicado na revista Time, órgão oficioso da burguesia imperialista norte-americana. O motivo formal da “puxação de saco” da burguesa neoliberal foi celebrar a escolha de Luiza pela revista, como uma das 100 pessoas mais influentes do mundo em 2021. Lula rasgou elogios às ações “pilantrópicas” da proprietária da rede Magazine Luiza, afirmando, por exemplo, que em um "mundo de negócios ainda dominado por homens", ela transformou "o Magazine Luiza, que começou como uma loja única em 1957, em um gigante do varejo com dezenas de bilhões de dólares". "É uma grande conquista - uma entre muitas", afirmou o líder petista. O perfil político de Luiza Trajano aproxima-se ao do empresário José de Alencar, vice de Lula nos dois mandatos presidenciais da Frente Popular de colaboração de classes, iniciados após as eleições de 2002. A cretina esquerda reformista que vem vendendo ilusões em um suposto caráter “operário” da candidatura de Lula, não tem mais como esconder o significado pró-imperialista de um novo governo petista, em parceria com a decadente burguesia nacional. Para Lula que tem feito sua tradicional demagogia eleitoral contra os “ricos”, cai a sua máscara quando diz que Luiza “Assumiu o desafio de construir um gigante comercial e ao mesmo tempo construir um Brasil melhor".

VICTOR JARA PRESENTE! NA LUTA PELO SOCIALISMO, SEMPRE!

Hoje, 16 de Setembro, completam-se 48 anos do assassinato de Victor Jara pela ditadura chilena. Dias antes de sua morte ele foi detido pelos militares, junto com outros alunos e professores e conduzido ao Estádio Chile, convertido em campo de concentração e um dos maiores centros de detenção e tortura. Lá foi mantido durante vários dias após o fatídico 11 de setembro.

quarta-feira, 15 de setembro de 2021

PASSAPORTE SANITÁRIO IMPOSTO NO BRASIL: UM ATAQUE AS LIBERDADES DEMOCRÁTICAS PELOS GOVERNOS BURGUESES APOIADO PELA ESQUERDA DOMESTICADA

O passaporte sanitário já se tornou uma realidade no país e não mais depende de aprovação de lei específica no Congresso Nacional. Conforme estamos noticiando no Blog da LBI há vários dias, diversas cidades do país já estão implantando sua modalidade própria de passaporte sanitário por meio de decretos de prefeituras ligadas ao chamado "Centro Civilizatório" burguês, como São Paulo e Rio de Janeiro, medida arbitrária que é apoiada pela esquerda domesticada (PT, PCdoB, PSOL e PSTU).

URGENTE: ISRAEL ATACA FAIXA DE GAZA PELA TERCEIRA NOITE CONSECUTIVA... REPUDIAR A AGRESSÃO SIONISTA!

Pela terceira noite consecutiva, caças israelenses atacaram vários foguetes em áreas da Faixa de Gaza sitiada, deixando sérios danos à infraestrutura, embora nenhum ferido tenha sido relatado até agora, de acordo com a mídia local. Os aviões bombardearam uma região a leste da cidade de Beit Lahia, localizada ao norte da Faixa de Gaza. A área foi destruída e vários incêndios ocorreram, bem como danos a casas próximas. É preciso repudiar a agressão sionista contra o povo palestino! 

NÚMEROS QUE A MÍDIA CORPORATIVA ESCONDE: NA EUROPA UM TERÇO DOS EFEITOS COLATERAIS DA VACINAÇÃO COVID SÃO GRAVES

Os efeitos colaterais suspeitos relatados para as quatro vacinas Covid, que só foram aprovadas condicionalmente na UE, quebraram o recorde depois de apenas 8 meses. Efeitos colaterais graves foram relatados. A Agência Europeia de Medicamentos (EMA) lista atualmente 904. 534 casos suspeitos pessoais com um total de 3.478.979 efeitos colaterais individuais para as vacinas Covid (em 3 de setembro de 2021). Quase um terço deles são classificados como graves. Assim, 262.383 dos 904.534 casos são graves.

terça-feira, 14 de setembro de 2021

DERROTAR A REFORMA ADMINISTRATIVA NEOLIBERAL DE SARTO (PDT), CAMILO (PT) E BOLSONARO: ROMPER COM A PARALISIA DA CUT E CONVOCAR A GREVE GERAL DO FUNCIONALISMO!

A militância da LBI esteve hoje, 14.09, no combate direto contra a reforma administrativa neoliberal de Bolsonaro, do governador Camilo (PT) e do prefeito Sarto (PDT) em Fortaleza. Chamamos a derrotar os ataques aos servidores com a greve geral de todo o funcionalismo e romper a com paralisia da CUT e dos sindicatos! Neste exato momento, a comissão especial da Câmara dos Deputados que analisa a reforma administrativa (Proposta de Emenda à Constituição 32/20) se reúne nesta terça-feira (14) para discussão e votação do parecer do relator, deputado Arthur Oliveira Maia (DEM-BA). O relatório foi apresentado no dia 1º de setembro. O governo neofascista Bolsonaro espera aprovar até o final do ano a famigerada reforma neoliberal administrativa, um pacote que ataca duramente os trabalhadores do serviço público com o apoio do Centrão e da direita (PSDB, MDB, PSD...), partidos burgueses que são aliados do PT na CPI da Covid. 

GRAVES EFEITOS ADVERSOS DA VACINA COVID-19 ENCHEM HOSPITAIS NOS EUA... BIDEN E BIG PHARMA DIZEM CINICAMENTE QUE A CULPA É DOS “NÃO VACINADOS”

As linhas de batalha sobre as vacinas COVID-19 obrigatórias estão avançando a todo vapor nos EUA, já que a administração Biden anunciou que todos os funcionários federais devem agora tomar vacina COVID-19 como condição para trabalhar. O argumento de que apenas as injeções de COVID-19 vão acabar com a interminável pandemia e a mentira de que os hospitais estão com mais de 90% de pessoas não vacinadas estão sendo usados ​​como justificativa para a vacinação em massa obrigatória. Não é necessária muita pesquisa para contornar a mídia corporativa e descobrir que eles estão mentindo. Existem inúmeros relatos que a situação é exatamente oposta nos Estados Unidos e em todo o mundo: os hospitais estão cheios de pessoas que já foram vacinadas com injeções de COVID-19, com milhares lotando unidades de saúde pelos chamados “efeitos adversos” das vacinas experimentais feitas as pressas para engordar os lucros da Big Pharma.

“SíNDROME DE HAVANA”: EUA ESTÃO PROVANDO DO SEU PRÓPRIO “VENENO” OU MAIS UMA “TEORIA DA CONSPIRAÇÃO” DA CIA PARA ATACAR CUBA?

Cientistas da Academia de Ciências de Cuba negaram nesta segunda-feira em entrevista coletiva a existência da chamada “Síndrome de Havana”, termo usado para se referir aos chamados incidentes de saúde ou “ataques sônicos”, relatados em 2017 por diplomatas dos Estados Unidos (EUA) em Habana. Cientistas cubanos denunciaram a alegação dos Estados Unidos de impor uma narrativa a falsas acusações. Seria mais uma “Teoria da Conspiração” montada pela CIA divulgada pela mídia corporativa ou os EUA estão provando de seu próprio veneno no marco da guerra híbrida que leva contra o Estado Operário, quando inclusive lançou o ataque bacteriológico para incrementar a pandemia na Ilha? 

segunda-feira, 13 de setembro de 2021

FRACASSO DO ATO ELEITORAL DA OPOSIÇÃO BURGUESA “TERCEIRISTA”: AGORA AS “FICHAS” DO IMPERIALISMO E SEUS SÓCIOS NACIONAIS VÃO PARA A PRÓXIMA MANIFESTAÇÃO PETISTA DO “FICA BOLSONARO!”

Foram um tremendo fiasco os atos da oposição burguesa “terceirista” deste domingo convocados formalmente pelo protofascista MBL, contaram com a presença do PSDB, PCdoB, PDT e afins. Os presidenciáveis Ciro e Dória que falaram na manifestação pró-Mourão da avenida Paulista foram vaiados pelos respectivos cabos eleitorais do candidato oponente, configurando assim uma briga intestinal no seio da chamada “Terceira Via”, que antes mesmo de nascer já está morta. A causa do fracasso, segundo seus organizadores e patrocinadores teria sido "a divisão das oposições". Porém o reduzido ato “terceirista” teve pelo menos um grande mérito político, o de mostrar ao público em geral que as manifestações “Fora Bolsonaro” convocadas pela oposição burguesa, são na verdade ações eleitorais para cacifar seus candidatos ao Planalto em 2022. No caso concreto dos atos da oposição burguesa de esquerda, PT, PSOL e apêndices, sequer pretendem impulsionar o impeachment do presidente bufão da extrema direita, posto que o melhor adversário para disputar com Lula a peleja eleitoral é sem dúvida alguma o próprio Bolsonaro. Com o esgotamento precoce da “Terceira Via” vai se configurando o “cenário eleitoral dos sonhos” para Lula. Mais além da demagogia petista do “Fora Bolsonaro”, Lula deseja ter o neofascista na urna eletrônica em 2022, contando assim nesta disjuntiva com o apoio do imperialismo ianque e seus sócios menores tupiniquins, como a famiglia Marinho e a Febraban, além é claro do suporte do STF/TSE com seu sistema histórico de fraudes. Não seria exagero algum caracterizar as manifestações da Frente Popular de colaboração de classes do próximo dia 02 de Outubro, como realmente são: “Fica Bolsonaro!”

DOCUMENTÁRIO SOBRE A “FAKEADA”: LBI DENUNCIOU IMEDIATAMETNE O FALSO ATENTADO ENQUANTO O PT E A ESQUERDA REFORMISTA SE SOLIDARIZARAM COM BOLSONARO

O documentário “Bolsonaro e Adélio - Uma fakeada no coração do Brasil” do jornalista e repórter investigativo Joaquim de Carvalho confirma plenamente a denúncia que o Blog da LBI fez no dia do falso atentado. Na época, o PT e o conjunto da esquerda reformista (incluindo os grupos revisionistas do Trotskismo) se solidarizou com Bolsonaro, mas agora o documentário, que faz parte da campanha para desgastar eleitoralmenre Bolsonaro, é forçado a nos dá razão, quando antes diziam que tudo não passava de mais uma "Teoria da Conspiração da LBI". 


MARCO CIVIL DA INTERNET VOLTA AO CENTRO DO DEBATE: LEI APROVADA NO GOVERNO DILMA (PT) SACRAMENTOU O CONTROLE DA “REDE” PELOS BARÕES DA MÍDIA CAPITALISTA E A BIG TECH!

O “Marco Civil da internet” foi apresentado em 2014 pelo então governo Dilma (PT) para formalmente estabelecer direitos dos internautas brasileiros e obrigações de prestadores de serviços na web (provedores de acesso e ferramentas on-line), dominados pelas chamadas “teles”, multinacionais como a Vivo, Tim, Claro e Oi, além dos grandes portais G-1 e Uol controlados pelas “famiglias” Marinho e Frias. Não se tratou de um debate de pouca importância, já que ele definiu legalmente como as grandes empresas gerenciam o acesso da população a rede de computadores, impondo o aumento de seu custo, determinando a velocidade paga e inclusive o conteúdo que o usuário poderá ou não ter acesso. Agora a MP de Bolsonaro alterando o Marco Civil deve ser devolvida por Rodrigo Pacheco, capacho da Big Tech.

COREIA DO NORTE TESTA COM SUCESSO NOVO MÍSSIL DE LONGO ALCANCE: APOIAMOS O PLENO DIREITO DE AUTODEFESA DO ESTADO OPERÁRIO FRENTE AS PROVOCAÇÕES DO IMPERIALISMO IANQUE!

A Coreia do Norte conduziu com sucesso um teste de fogo de um novo tipo de míssil de cruzeiro de longo alcance neste fim de semana. O desenvolvimento do míssil de cruzeiro de longo alcance, uma arma estratégica de grande importância oi levado adiante de acordo com o processo de desenvolvimento de sistema de armas científico e confiável nos últimos dois anos. De acordo com o relatório, o teste incluiu verificação de impulsos de solo do motor, "vários testes de voo", testes de controle e orientação junto a avaliação da potência da ogiva. O relato do teste ocorreu após um desfile militar realizado na Coreia do Norte em comemoração ao 73º aniversário da fundação do país, apresentando unidades paramilitares mecanizadas, lançadores de foguetes e armas antitanque.

domingo, 12 de setembro de 2021

NOVO “ACORDO JUCÁ” PARA “SALVAR BOLSONARO”: COM SUPREMO, COM A BURGUESIA NACIONAL E PRINCIPALMENTE COM LULA!

O arco político da esquerda reformista, em seus delírios eleitoreiros e completamente alheios ao mundo real, afirmou que as manifestações pró-Bolsonaro no 7 de Setembro “tinham flopado”. A absurda caracterização dos petistas que chega a ser ridícula diante de mais de 1 milhão de pessoas que saíram às ruas para reafirmar seu apoio eleitoral ao presidente bufão neofascista (mas que não pretende dar golpe militar nenhum), corresponde a “surpresa” de encarar o real potencial eleitoral que Bolsonaro ainda possui, mesmo com o bombardeio diário do consórcio da mídia corporativa liderado pela famiglia Marinho. Frente a reação da oposição burguesa e as instituições do Estado burguês diante das bravatas de Bolsonaro contra a quadrilha “democrática” do STF, a burguesia nacional, com o aval da Casa Branca, começou a costurar um pacto pré-eleitoral. Com o novo “Acordão Jucá”, que inclui o “Supremo” e principalmente a aquiescência de Lula e a oposição burguesa, ficará assegurada a manutenção das duas principais candidaturas presidenciais para 2022, ou seja a do líder petista e a do capitão da extrema direita, um acordo que cai como uma luva para os interesses de ambas candidaturas majoritárias do campo político do imperialismo e do capital financeiro. Porém o “Acordão” celebrado por toda as alas (direita e esquerda)da elite dominante também concederá um prazo para que se tente viabilizar a chamada “Terceira Via”, uma possibilidade cada vez mais remota diante da nutrida demonstração de força eleitoral de Bolsonaro. Com o consenso de todos os setores das classes dominantes comtemplados no novo “Acordo Jucá”, a burguesia busca enfrentar a profunda crise econômica capitalista com uma maior estabilidade do regime político vigente, que permanece golpista em sua essência, não de um “golpismo militar ou fascista”, como quer fazer crer a esquerda reformista criando o pânico e o medo no seio do movimento de massas. O processo do golpe iniciado em 2015 e acentuado em 2016 com o impeachment de Dilma, tem um caráter eminentemente institucional, ainda com fortes características de bonapartismo, do qual Bolsonaro não conseguiu exercer plenamente, mais além de suas “bravatas do cercadinho”. Esta é a principal razão dos atritos entre o presidente bufão e o STF, porque é esta a instituição do Estado que é a “mola mestra” do processo golpista desde 2015. Sob a proteção direta do Departamento de Estado dos EUA e o aval do alto comando militar tupiniquim, o Supremo Tribunal coordena e dirige os rumos do país, ficando no papel de “gerente” de segunda linha a presidência da República, hoje tutelada pela equipe econômica do clube dos rentistas, na pessoa do Ministro Paulo Guedes. Esta é a atual linha ditada pelo imperialismo ianque na América Latina (Nova Ordem Mundial), governos da esquerda burguesa ou do “Centro Civilizatório”, tutelados pelo bonarpartismo judiciário, como ocorre na Argentina, Bolívia, Peru, e muito provavelmente em breve no Brasil.

RASTRO DE SANGUE NOS 20 ANOS DA “GUERRA AO TERROR”: MILHARES DE MORTOS EM ATAQUES AÉREOS, OCUPAÇÕES E ASSASSINATOS PERPETRADOS PELO IMPERIALISMO IANQUE DESDE O "11 DE SETEMBRO"

Os ataques conduzidos pelas forças miliares dos Estados Unidos mataram cerca de 48.000 civis desde 11 setembro de 2001 de acordo com um relatório publicado pela Airwars, um cão de guarda militar que monitora o que chama de “danos civis em zonas de conflito violento”. A nova análise, divulgada antes do 20º aniversário dos ataques de 11 de setembro e do lançamento retaliatório da chamada “Guerra ao Terror”, veio poucos dias depois de um ataque de drones norte-americano matar, pelo menos, 10 membros de uma única família em Cabul no meio a retirada das tropas do Afeganistão. O Pentágono declarou um mínimo de 91.340 ataques aéreos no Afeganistão, Iraque, Líbia, Paquistão, Somália, Síria e Iêmen - sete países que os militares dos EUA invadiram ou atacaram com bombas ou drones - nos últimos 20 anos. Por sua vez, um estudo da Costs of War da Brown University estima que mais de 387.000 civis foram mortos como resultado da “Guerra ao Terror” levada a cabo pelo imperialismo ianque.

PRISIONEIROS PALESTINOS PROTESTAM CONTRA REPRESSÃO ISRAELENSE: LIBERDADE PARA OS PRESOS POLÍTICOS DAS GARRAS DO ENCLAVE SIONISTA!

Cerca de 4.850 prisioneiros palestinos sofrem ataques e dura repressão do regime sionista nas prisões israelenses. Os presos anunciaram uma greve de fome escalonada, diante dos maus-tratos sofridos pelo Serviço Penitenciário de Israel. O Comitê de Assuntos de Detidos da Autoridade Palestina e a Sociedade de Prisioneiros Palestinos (PPS), relataram neste sábado que nos próximos dias, prisioneiros palestinos em prisões israelenses começarão uma escalada de protestos em resposta às medidas repressivas israelenses em andamento contra eles. 

O 11 DE SETEMBRO NO CHILE: FRENTE POPULAR PAVIMENTOU O CAMINHO PARA O GOLPE MILITAR DE PINOCHET

Em 11 de Setembro de 1973, no mesmo Chile que esteve convulsionado pelas mobilizações  contra a política do pinochetista Piñera, era desferido um golpe militar patrocinado diretamente pelo imperialismo ianque. A ofensiva da contrarrevolução ganhou terreno e desferiu sua investida fatal nesta data trágica como produto direto da política de colaboração de classes do governo da Unidade Popular encabeçado por Salvador Allende. 

sábado, 11 de setembro de 2021

ABIMAEL GUZMÁN: PRESENTE NA LUTA DO PROLETARIADO PERUANO! 

Manuel Rubén Abimael Guzmán Reynoso, líder histórico da Organização Maoísta “Sendero Luminoso”, morreu neste sábado(11/09) aos 86 anos, enquanto cumpria pena de prisão perpétua no Centro de Detenção de Segurança Máxima da Base Naval de Callao, Peru. O ministro da Justiça do governo Castillo, Aníbal Torres, afirmou à mídia que Guzmán morreu de infecção generalizada em um hospital militar. O “Presidente Gonzalo” como era chamado pelos seus camaradas da guerrilha, havia iniciado a pouco tempo uma campanha pela sua imediata liberdade, em função do seu já grave estado de saúde e sua idade avançada. Porém o novo presidente do Peru, que ironicamente de diz “Marxista Leninista”, se recusou a conceder o indulto humanitário para Guzmán.

11 DE SETEMBRO: HÁ VINTE ANOS ATRÁS O TALIBÃ IMPUNHA UMA HUMILHAÇÃO HISTÓRICA AO IMPERIALISMO IANQUE. DUAS DÉCADAS DEPOIS OS EUA PASSAM OUTRO VEXAME... ESQUERDA SOCIAL DEMOCRATA FICOU AO LADO DO PENTÁGONO NOS DOIS MOMENTOS

Há exatos 20 anos, ocorria o 11 de Setembro nos EUA, com o Talibã impondo uma humilhação histórica ao imperialismo ianque. Os ataques as Torres Gêmeas que abrigavam várias corporações financeiras e também um dos maiores escritórios da CIA em território norte-americano, assim como ao quartel general do Pentágono em Washington, foi uma resposta militar ao terrorismo imperialista realizado por organizações fundamentalistas com meios militares não convencionais. Os reformistas em geral e os revisionistas em particular, além da mídia a soldo do capital, continuam adeptos até hoje da “tese” de que se tratou de um atentado terrorista reacionário promovido por bárbaros muçulmanos contra o povo norte-americano. Duas décadas depois os EUA passam outro vexame com a retirada humilhante às pressas de suas tropas do Afeganistão, foi o reconhecimento de uma derrota histórica do imperialismo ianque. A esquerda social-democrata nesses dois episódios marcantes da luta de classes ficou vergonhosamente ao lado do Pentágono, enquanto os Marxistas Revolucionários da LBI estiveram na trincheira da resistências dos povos árabes e muçulmanos, com  independência política da sua direções teocráticas porque compreendemos que tanto no 11 de Setembro de 2001 nos EUA como agora no Afeganistão em 2021, o imperialismo ianque foi golpeado o que fortalece a luta revolucionária do proletariado mundial. A LBI foi a única organização Trotskista no planeta a não pedir a “cabeça” do Talibã após ao ataque às Torres Gêmeas no 11 de Setembro e tampouco se perfilar com as tropas imperialistas na defesa da invasão do Afeganistão em 2001, saudamos agora vigorosamente a atual derrota da Casa Branca, como uma primeira vitória de todos os povos oprimidos do mundo, sem tampouco depositar ilusões políticas no caráter burguês e fundamentalista do movimento islâmico que acaba de tomar o poder estatal no país secularmente oprimido pelas grandes potências mundiais.

O 11 DE SETEMBRO E A OFENSIVA IMPERIALISTA

Revista Marxismo Revolucionário nº 4, Outubro/2001

O Blog da LBI reproduz nosso artigo elaborado logo após o 11 de Setembro de 2001. Trata-se de um dos mais importantes textos políticos escritos pela esquerda revolucionária no limiar deste novo século, onde traça um prognóstico exato (quase “premonitório”) da nova conjuntura mundial que iria abrir-se a partir deste marco histórico de inflexão global na correlação de forças entre as classes sociais.

Os ataques de 11 de setembro, no coração do monstro imperialista  ianque, marcam a abertura de um novo período político na etapa histórica de correlação de forças entre as classes em nível mundial, aberta logo após a derrubada contra-revolucionária do Muro de Berlim e a destruição do Estado operário burocratizado soviético, com a conseqüente perda das conquistas operárias obtidas a partir da revolução de 17. Pela primeira vez na sua história, os EUA sofrem um tipo de bombardeio em seu próprio território, excluindo o bombardeio às bases navais de Pearl Harbor na 2ª Guerra Mundial, fazendo cair por terra o enorme mito da invulnerabilidade militar da grande fortaleza inexpugnável. Utilizando-se de armamento não convencional, como jatos da aviação civil, uma organização militar, provavelmente fundamentalista islâmica, infringiu pesadas baixas ao alto comando do Pentágono e à Agência Central da CIA em Nova York, sediada em uma das torres do World Trade Center. O próprio presidente Bush, revelando em seu ato toda a covardia do império assassino, fugiu como uma galinha durante dois dias, enquanto sua frota naval abandonava às pressas os portos da costa americana, temendo uma reedição dos ataques kamikases ocorridos na 2ª Guerra Mundial. Quando o alto staff do Pentágono certificou-se de que o "grande ataque" concentrava-se na captura de quatro aviões civis e que todo o poderio bélico da maior força armada do planeta não corria perigo de ser "dizimado", passaram a rugir como um leão ferido, ameaçando bombardear todos os países muçulmanos, que possivelmente poderiam ter alguma relação com os atentados do dia 11, "em uma ofensiva militar longa, ampla e implacável", segundo as palavras de Bush (The New York Times, 09/10), um anúncio prévio da intenção de atacar, além do Afeganistão, também o Iraque e o Líbano, como afirmou em carta enviada ao Conselho de Segurança da ONU: "Podemos descobrir que nossa autodefesa requer ações em relação a outras organizações e países" (Idem).

sexta-feira, 10 de setembro de 2021

6 MILHÕES A PROCURA DE UMA NOVA OCUPAÇÃO: SOMADOS AO EXÉRCITO CRÔNICO DE DESEMPREGADOS CHEGAM AO RECORDE DE 20 MILHÕES DE TRABALHADORES. OCUPAR AS FÁBRICAS E EMPRESAS QUE DEMITIREM TRABALHADORES! 

Enquanto no país o desemprego atinge níveis históricos, também cresce a parcela do proletariado que procura trabalho por longos períodos sem encontrar. São 6 milhões de trabalhadores que buscam por emprego há mais de um ano. Do total, 3,8 milhões procuram por trabalho há mais de dois anos e não encontram. Chamado de desemprego de longa duração, a proporção dos que não conseguem ocupação há mais de dois anos subiu 23,9% no primeiro trimestre de 2020 para 26,1% no mesmo período desse ano. No grupo dos desempregados, entre 1 a 2 anos, a proporção subiu de 6,7% para 15,1%. Isso tudo somado perfaz um exército de 20 milhões de trabalhadores desempregados no Brasil, atingindo nesta pandemia do capital financeiro um trágico recorde histórico. 

DRAGÃO DA INFLAÇÃO: IPCA EM 12 MESES É "OFICIALMENTE" DE QUASE 10%... EXPROPRIAR GRANDES REDES ATACADISTAS PARA O POVO TER O QUE COMER!

A inflação, que não dá trégua e castiga o bolso dos brasileiros, registrou oficilamente alta de 0,87% em agosto, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em julho, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) tinha avançado 0,96%. Foi a maior taxa para o mês desde 2000, devido, principalmente, à forte pressão dos itens energéticos — gasolina, etanol e conta de luz. Mas o dragão inflacionário é mais cruel com a classe trabalhadora e os mais pobres. Enquanto o IPCA subiu 5,67% no ano e 9,68% nos últimos 12 meses, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que mede a inflação das famílias com renda de até cinco salários mínimos, já chegou à casa de dois dígitos, e acumula avanço de 10,43% nos últimos 12 meses, após alta de 0,88% em agosto. 

CAI A MÁSCARA DA BIG PHARMA: GRANDES LABORATÓRIOS FORÇAM CDC NORTE-AMERICANO A ALTERAR TERMINOLOGIA, AGORA “VACINADO” NÃO SIGNIFICA “IMUNIZADO”

As vacinas foram desenvolvidas, em tese, para fornecer às pessoas imunidade contra a doença que pretenda combater e tratar. Vacinas para poliomielite, catapora, sarampo, caxumba, rubéola e assim por diante têm o objetivo de tornar as pessoas imunes às respectivas doenças. Eis que agora, em 1º de setembro de 2021 e diante do fiasco das vacinas experimentais para a Covid-19 feitas as pressas pela Big Phama, o Centro de Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC) atualizou a definição de seu site da palavra “vacinação”, substituindo o termo “imunidade” por “proteção”. É o reconhecimento implícito de que as primeiras gerações de vacinas elaboradas contra a Covid, careciam do tempo necessário para a maturação do conhecimento científico da evolução natural do vírus, suas principais cepas proteicas e possíveis mutações genéticas.

quinta-feira, 9 de setembro de 2021

RECUO DE BOLSONARO E ACOVARDAMENTO DE LULA: OS DOIS AMANTES DAS INSTITUIÇÕES E DA “SAGRADA CONSTITUIÇÃO” DA REPÚBLICA BURGUESA. DOIS POLOS SIMÉTRICOS DO MESMO REGIME DA DEMOCRACIA DOS RICOS...

Após proferir alguns ataques verborrágicos a membros do Supremo Tribunal Federal (STF) nos atos convocados pela direita no último 7 de Setembro, onde a esquerda reformista fugiu para o “Isolamento Social” com medo de um suposto “golpe fascista”, o presidente Bolsonaro não tentou “putsch” algum contra as “sagradas instituições” da república burguesa, como ordenado pelo “Deus mercado” protagonizou nesta quinta-feira (09/09) um vergonhoso pedido de desculpas ao STF, recuando de suas encenações canastrescas de ameaças ao regime democrático vigente. Jair Bolsonaro publicou hoje uma nota oficial se “borrando nas calças”. O impotente neofascista afirma no texto que suas palavras: "Por vezes contundentes, decorreram do calor do momento e dos embates que sempre visaram o bem comum" e destacou que "existem naturais divergências em algumas decisões do Ministro Alexandre de Moraes... Nunca tive nenhuma intenção de agredir quaisquer dos Poderes. A harmonia entre eles não é vontade minha, mas determinação constitucional que todos, sem exceção, devem respeitar...Reitero meu respeito pelas instituições da República, forças motoras que ajudam a governar o país”. Logo na sequência da publicação da “Declaração à Nação”, o borra botas ligou para o Ministro Alexandre de Moraes pedindo “mil desculpas”... No campo da oposição burguesa, Lula outro fiel amante da república do capital financeiro e suas “sagradas instituições” burguesas, foi se esconder debaixo da cama no blefe do 7 de Setembro, alardeando que Bolsonaro iria promover a “marcha fascista sobre Roma” (Brasília)...obviamente nada disso ocorreu a não ser gigantescas mobilizações eleitorais bolsonaristas, sinalizando que o bufão presidente está bem vivo para a sucessão do Planalto em 2022. Lula por sua vez é hoje um completo refém do “Centro Civilizatório”, leia-se as diretrizes dadas pelo imperialismo ianque e suas corporações financeiras, farmacêuticas e midiáticas. A principal âncora política do líder petista é hoje (pasmem) a Rede Globo. Os novos heróis da esquerda reformista são os reacionários golpistas Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso e Luiz Fux, os guardiões da “sagrada” constituição e instituições do regime da democracia dos ricos.

CUBA SUFOCADA PELA PANDEMIA E SOB PRESSÃO DA RESTAURAÇÃO CAPITALISTA: BLOQUEIO, APAGÕES E ATAQUE BACTERIOLÓGICO DOS EUA COLOCAM A ILHA COMO ALVO DE INTENSA OFENSIVA IMPERIALISTA

Os cortes de energia elétrica, que normalmente duram várias horas por dia, são frequentes em Cuba desde a década de 1990, embora tenham se intensificado nos últimos meses, com o agravamento da grave crise econômica. Em geral, o governo cubano atribui as interrupções de energia a avarias e limitações de combustível. O regime castrista acusa os Estados Unidos de tentar bloquear o fornecimento de combustíveis à ilha por parte de outros países, especialmente a Venezuela, em virtude das sanções que Washington impõe a ambos. 

“DIREITOS JÁ” PREPARA ATO APÓS FIASCO PETISTA DO 7 DE SETEMBRO: FRENTE AMPLA BURGUESA PATROCINADA PELA REDE GLOBO COSTURA MANIFESTAÇÃO ELEITORAL CONTRA BOLSONARO E EM APOIO A CPI 

O movimento policlassista “Direitos Já – Fórum pela Democracia”, uma espécie de Frente Ampla burguesa que reúne PT, PSDB, Rede, PCdoBd, PSB e outros partidos patronais, se reuniu ontem para realizar um grande ato nacional para demonstrar força eleitoral. A reunião foi conduzida pelo sociólogo Fernando Guimarães, coordenador do movimento. Segundo o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), líder da oposição no Senado, um dos presentes à reunião, a agenda culminaria com um grande ato nacional juntando todas as lideranças políticas, entidades e personalidades do país, nos fins de semana de 25 de setembro ou 2 de outubro, datas que coincidiriam também com a apresentação e votação do relatório final da CPI da Covid. Trata-se de uma Frente Amplíssima burguesa com setores neoliberais do chamado “Centrão”, incluindo desde os Tucanos até a “direita considerada civilizada” como Marina, Marta, Sarney, Roberto Freire... com o apoio da Rede Globo.

VACINA EXPERIMENTAL QUE NÃO IMUNIZA: A SÍNDROME DE GUILLAIN-BARRÉ JÁ É UM EFEITO COLATERAL RECONHECIDO OFICIALMENTE PELA ASTRAZENECA 

Ontem (08/09), a Agência Europeia de Medicamentos (EMA) listou oficialmente a síndrome de Guillain-Barré como um efeito colateral da “vacina” contra o coronavírus elaborada pelo laboratório AstraZeneca. É uma grave doença neurológica em que o sistema imunológico do paciente ataca seus nervos periféricos. O reconhecimento oficial dos sérios danos causados pelo fármaco da AstraZeneca só ocorreu após a constatação de milhares de casos que aconteceram ao redor dos países que compraram a vacina da corporação inglesa. De acordo com a EMA, até 31 de julho foram registrados 833 casos dessa síndrome neurológica em toda Europa. Obviamente que no Brasil, onde o Ministério da Saúde e os governos estaduais gerenciam as verbas públicas da saúde (sob as ordens diretas da Big Pharma&OMS), a mídia corporativa e suas agências proibiram a divulgação dos casos ocorridos.

quarta-feira, 8 de setembro de 2021

O “DAY AFTER” AO 7 DE SETEMBRO: PT E OPOSIÇÃO BURGUESA ENCENAM PRESSÃO PELO IMPEACHMENT ENQUANTO NEOFASCISTA BOLSONARO SAI FORTALECIDO PARA AS ELEIÇÕES

No “Day After” ao 7 de Setembro, vemos uma tentativa desesperada do PT e da Oposição burguesa, inclusive de Dória e do PSDB, para dar uma “resposta” institucional aos milhares de apoiadores da direita bolsonarista que saíram as ruas em apoio as bravatas do Planalto. Ficou evidente ontem que essas falas de Bolsonaro tem um claro objetivo eleitoral: fortalecer sua candidatura até 2022, protegendo seu clã miliciano das investidas do STF, da Globo e da CPI da Covid-19. 

PSTU RECLAMA QUE “BOLSONARO NÃO DEFENDE AS DEMANDAS DOS POLICIAIS”: ZÉ MARIA DE ALMEIDA REIVINDICA MELHORES CONDIÇÕES PARA OS CÃES DE GUARDA DO ESTADO CAPITALISTA REPRIMIREM OS TRABALHADORES

José Maria de Almeida, presidente nacional do PSTU, nos brinda no escandaloso artigo “O lugar dos praças das Polícias Militares é ao lado dos trabalhadores, não de Bolsonaro” (06.08), publicado um dia antes dos atos bolsonaristas do 7 de setembro, com a seguinte pérola revisionista: “Bolsonaro não defende as demandas dos policiais por melhores condições de vida” e completa: “Todos sabemos da necessidade de uma boa segurança pública, especialmente para os pobres, que são a ampla maioria das vítimas dos crimes de roubo, assassinatos, etc. No entanto, é justamente essa função das polícias que vem sendo cada vez mais sucateadas, carentes de investimento, que funciona cada vez menos”. Em que país vive Zé Maria? No Brasil real, as polícias estão super-equipadas pelos governos estaduais para perseguir o povo trabalhador e, a nível federal, Bolsonaro aprovou diversos projetos dando relagias aos policiais federais, civis e militares, além de fortalecer enormemente o aparato militar dos policiais com amplo finaciamento, inclusive deu reajuste salarial recorde a PM do Distrito Federal que é paga pelo Planalto.

EXÉRCITO SÍRIO ENTRA NO ÚLTIMO REDUTO MILITAR DO DAESH(EI): OUTRA DERROTA DO IMPERIALISMO E DA ESQUERDA REFORMISTA QUE APOIOU A GUERRA CONTRA O REGIME NACIONALISTA DE ASSAD 

Unidades do Exército sírio acompanhadas por destacamentos militares russos entraram ontem (07/09) em Daraa al-Balad, o último reduto de grupos armados terroristas no sul do país, informou nesta quarta-feira um correspondente da agência de notícias Sputnik. Esta é mais uma vitória emblemática do povo sírio e do regime nacionalista de Bashar Assad contra a tentativa do imperialismo ianque de invadir e dividir o país, armando os terroristas do Daesh (Estado Islâmico). Também não podemos esquecer a posição da esquerda revisionista (PSTU, PTS, PCO e afins) diante do ataque imperialista ao país, apoiando os terroristas do EI em nome de uma fictícia “revolução” contra o governo Assad.

PT DEFENDE CENSURA NA INTERNET: ESQUERDA DOMESTICADA SE DIZ “DEFENSORA DA DEMOCRACIA” MAS APOIA PERSEGUIÇÃO DA BIG TECH NAS REDES SOCIAIS

O PT decidiu acionar o STF para tentar derrubar a Medida Provisória (MP) editada por Bolsonaro que altera o Marco Civil da Internet. A sigla entrou com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) pedindo a suspensão imediata da medida. O Facebook anunciou que os perfis que compartilharem frequentemente supostas notícias falsas serão penalizados com alcance reduzido em todos os seus posts. Os posts considerados falsos já são penalizados pelo algoritmo da rede social. Com a mudança, um perfil que compartilha esse tipo de conteúdo diversas vezes terá todas as publicações restritas. Quem define o que é "verdade ou mentira" é a Big Tech, ou seja, as grandes corporações capitalistas que controlam a internet e as redes sociais, uma verdadeira censura apoiada pelo PT cinicamente para combater os apoiadores neofascitas de Bolsonaro, quando na verdade a esquerda domesticada defende que o poder de ditar arbitrariamente o que deve ser publicado ou não são as grandes corporações da mídia e da internet.

LEIA TAMBÉM:  NÃO DEFENDEMOS QUE A BIG TECH CENSURE O DIREITO DE EXPRESSÃO DE NINGUÉM SOB O CÍNICO PRETEXO DE “DEFENDER A DEMOCRACIA”! AO MOVIMENTO OPERÁRIO CABE ESMAGAR COM SEUS PRÓPRIOS MÉTODOS DE LUTA O NEOFASCISMO E A EXTREMA DIREITA “CIVILIZATÓRIA” (DEEP STATE)

OMS SUBMISSA AS ORDENS DO GRANDE CAPITAL: CERTIFICADOS DE VACINAÇÃO DIGITAL, UM PROJETO FINANCIADO PELAS FUNDAÇÕES GATES E ROCKEFELLER

A OMS publicou um documento de orientação para os países e "parceiros" de implementação sobre os requisitos técnicos para o desenvolvimento de sistemas de informação digital para a emissão de certificados digitais ​​baseados em padrões para o estado de vacinação da Covid-19 e considerações para a implementação desses sistemas no mundo. O trabalho foi financiado pela Fundação Bill e Melinda Gates, pela Fundação Botnar e a Fundação Rockefeller, ou seja, patrocinado pelos representantes do grande capital.

terça-feira, 7 de setembro de 2021

ESQUERDA ALIADA DA “REDE GLOBO” E DOS “BANQUEIROS DEMOCRATAS” É HUMILHADA PELA MOBILIZAÇÃO DA DIREITA: REFORMISTAS RESMUNGAM QUE BOLSONARO ATACOU AS “SAGRADAS INSTITUIÇÕES” DA REPÚBLICA BURGUESA E PEDEM AJUDA AO SUPREMO GOLPISTA PARA PUNIR O NEOFASCISTA. OS MARXISTAS COMBATEM PELA DERRUBADA DE BOLSONARO E DAS INSTITUIÇÕES DO ESTADO CAPITALISTA!

Os partidos da esquerda reformista, ancorada agora nas “sagradas instituições” do Estado capitalista e no consórcio midiático corporativo comandado pela famiglia Marinho, levaram um “caldo” da extrema direita neste 7 de Setembro. Com uma mobilização que superou nacionalmente a casa de 1 milhão de pessoas, a extrema direita bolsonarista demonstrou que está bem viva eleitoralmente, capitalizando o profundo descontentamento popular com os corruptos governos estaduais burgueses (encharcados de verbas federais por conta da política dos rentistas em alargar o endividamento público na pandemia), além do ódio dos setores proletarizados nutrido pelas arbitrariedades da “polícia sanitária” e do reacionário “lockdown” que os impediu de terem sua renda por cerca de um ano. Em nada adianta para entender o fenômeno ocorrido neste 7 de Setembro, os noticiários frenéticos da Rede Globo taxando de “antidemocráticas” as mobilizações de hoje. É bem verdade que uma parcela significativa que foi as ruas é reacionária e adepta da verborragia da extrema direita, mas o principal móvel que lotou os atos bolsonaristas foi a “puteza” do povão com a demagogia cretina da oposição burguesa, chefiada pela quadrilha golpista do Supremo, os mafiosos da famiglia Marinho, e os corruptos governadores e prefeitos, criminosos gestores de fato e de direito das bilionárias verbas da saúde destinada a pandemia. As polícias militares, assassinas da população pobre e negra pela sua própria natureza de classe, estiveram sob o comando do fascismo sanitário orientado pelos governadores da “oposição”, perseguindo ambulantes e pequenos comerciantes com o pretexto fraudulento de “defesa da vida e da ciência”. O acúmulo destes fatores pandêmicos da Nova Ordem culminaram com a revolta popular contra as “sagradas instituições” da república dos novos barões do capital, e foram capturados de forma bastarda pela extrema direita que falsamente se apresenta como “outsider” diante do putrefato regime da democracia dos ricos. Por sua via, o arco da Frente Popular (PT, PSOL, PCdoB e PCO) se posta agora como a defensora do “rentismo democrático” do Fórum de Davos, que segundo estes midiotas estaria defendendo a “ciência” ao pregar o consumo das vacinas experimentais da Big Pharma e das regras fascistas do “Isolamento Social”. Estes reformistas da esquerda se converteram na melhor tropa de choque do imperialismo ianque e seu novo gerente Democrata, Joe Biden. Agora ficaram surpresos com a demonstração da ira popular contra as reacionárias medidas sanitárias preconizadas pelas corporações financeiras, e seu suposto “braço científico”: a OMS, uma mera agência de negócios da Big Pharma. Não adiantará em nada resmungar do ataque as “sagradas instituições” e pedir ajuda da Globo e do Supremo golpista para punir Bolsonaro, isso só vai engrossar ainda mais o “caldo” político da extrema direita. Os Marxistas Leninistas não compartilharão jamais a defesa das “sagradas instituições” que legitimam a exploração do nosso povo. Não somos apologistas desta retrógrada Constituição conservadora à serviço do grande capital e tampouco do seu sistema eleitoral, fraudulento da vontade popular até a medula. Combatemos pela derrubada revolucionária do governo Bolsonaro, assim como do conjunto das instituições do Estado burguês!

DIREITA BOLSONARISTA LOTA AVENIDA PAULISTA... ENQUANTO ESQUERDA “CLASSE MÉDIA” FOI CURTIR O FERIADÃO DO 7 DE SETEMBRO OU FICOU EM CASA COMO ORIENTOU LULA

Desde as primeiras horas do dia, a direita Bolsonarista começou a chegar na Avenida Paulista neste 7 de Setembro. Seu presidente neofascista deve discursar no final da tarde, mas os arredores do MASP e da FIESP estão lotados em vários quarteirões das hordas da extrema-direita verde amarelo. Enquanto isso, o Vale do Anhangabaú, cuja concentração da esquerda reformista está marcada para 14hs, encontra-se completamente vazio até o momento. Ao que tudo indica, pelo fiasco dos atos por todo o país convocados timidamente pela Frente Popular, a militância “progressita” de classe média que apoia a Frente Popular resolveu “curtir o feriadão” do 7 de setembro ou ficou mesmo em casa, ainda mais depois que Lula anunciou que não iria ao ato dessa terça-feira. Como a “ameaça do golpe fascista” não passa de um espantalho político nas mãos do PT para ampliar sua política de colaboração de classes com a direita neoliberal como FHC e Dória, o grosso dos apoiadores da esquerda reformista ou não saíram de casa, como orientou Lula ou foram gozar o feriado prolongado, deixando as ruas livres para o carnaval eleitoral fora de época dos bolsonaristas.

IMPOTÊNCIA DA ESQUERDA REFORMISTA DIANTE DA GRANDE MICARETA ELEITORAL BOLSONARISTA: IMPLORAR AO CENTRÃO O IMPEACHMENT DO NEOFASCISTA 

Diante da grande mobilização eleitoral da direita bolsonarista, que levou milhões de pessoas às ruas para “ingenuamente” pedir ao presidente um “golpe militar”, enquanto o alto comando das Forças Armadas jurava no 7 de Setembro total fidelidade as “instituições democráticas e ao STF”, a impotente esquerda reformista implora ao Centrão que inicie no corrupto Congresso Nacional o processo de impeachment do presidente neofascista. Em um coro uníssono as principais lideranças políticas da Frente Popular, que hoje se escoram nas iniciativas “oposicionistas” da famiglia Marinho e da Casa Branca, apelam para que as “instituições” detenham a ofensiva da reação, que mais além da verborragia neofascista está muito distante ou mesmo pretender dar um golpe militar. Todo o arco político burguês, seja da extrema direita, centro ou da esquerda reformista joga nas “4 linhas da Constituição”, parafraseando o acuado presidente. Os Marxistas Leninistas são a única organização política no país que abertamente defendem a ruptura revolucionária com este regime capitalista da “democracia dos ricos”.

NADA DE “GOLPE” NO 7 DE SETEMBRO: “CARNAVAL ELEITORAL” FORA DE ÉPOCA BOLSONARISTA... E ATOS ESVAZIADOS DA ESQUERDA REFORMISTA PELO BRASIL

Este 7 de setembro está marcado por um verdadeiro carnaval fora de época bolsonarista em Brasília, Rio e São Paulo, um típico ato eleitoral da extrema-direta para demonstrar força diante da ofensiva do STF, da CPI da Covid e da Rede Globo contra o presidente neofascista. Nada de invasão do STF ou do Congresso Nacional, apenas um pontual conflito que logo foi repremido pela PM de Brasília, quando apoiadores de Bolsonaro quiseram se aproximar do presidente. Bolsonaro apenas afirmou, em seu discurso inicial no começo do dia, que vai continuar “jogando nas quatro linhas” e esperando que o Judiciário faça do mesmo. Por sua vez, os atos da esquerda reformista ocorridos até agora pela manhã, como em Brasília e no Rio de Janeiro, foram muito esvaziados, seguindo as ordens de Lula de "ficar em casa e não aglomerar na pandemia", apostando todas as fichas nas instituições burguesas e não na mobilização popular para barrar a suposta "ameaça fascista".

segunda-feira, 6 de setembro de 2021

LULA MANDA UM IMPORTANTE RECADO AS VÉSPERAS DO SUPOSTO GOLPE FASCISTA: “FIQUE EM CASA E NÃO DESRESPEITE AS INSTITUIÇÕES”... 

O líder petista Luiz Inácio Lula da Silva, apologista da colaboração de classes com a burguesia e que atualmente é o principal porta-voz político da Nova Ordem imperialista no Brasil, fez hoje um importante pronunciamento à nação, na véspera do suposto golpe fascista que seria orquestrado pela extrema direita estimulada pelo presidente Bolsonaro neste 7 de Setembro. Lula gastou o maior tempo de sua postagem (previamente gravada) rememorando os anos de seu governo de Frente Popular em parceria com banqueiros e o Centrão. Entretanto a razão central da inserção midiática de Lula foi mesmo criticar os atos bolsonaristas por promoverem o “desrespeito às instituições”(as mesmas instituições que protagonizaram há poucos anos o golpe contra a presidente Dilma Rousseff), obviamente o líder petista não convocou ninguém para mobilizar e derrotar o suposto golpe fascista, que não passa de uma cortina de fumaça, uma espécie de “espantalho” para facilitar a ampliação da Frente Popular com empresários e o partidos capitalistas neoliberais, e sequer citou a existência do ato da esquerda reformista marcado amanhã para o Vale do Anhangabaú. Lula afirmou que o Brasil “tem jeito” se o povo novamente votar nele para presidente em 2022. Até lá, segundo o petista, não seria conveniente estimular “concentrações públicas”, principalmente contra as “sagradas instituições” da república dos novos barões do capital financeiro. Em resumo, para não cansar os nossos leitores, o recado de Lula foi: “Fique em casa, assista a Globo, respeite as instituições e vote no PT em 2022”.  Enquanto a Frente Popular manda o povo para se acovardar em casa, a extrema direita bolsonarista vai inflando cada vez mais seu “carnaval eleitoral” fora de época...

ATOS DO 7 DE SETEMBRO: MOBILIZAÇÃO DA ESQUERDA REFORMISTA CONTRA UMA SUPOSTA AMEAÇA DE GOLPE FASCISTA OU UMA MEDIÇÃO DE FORÇA ELEITORAL ENTRE A FRENTE POPULAR E A DIREITA BOLSONARISTA?

A esquerda reformista, sob o comando do PT e da CUT, convocou para este 7 de setembro atos de rua contra uma suposta “ameaça fascista”, manifestações ordeiras e pacíficas para barrar um pretenso “golpe” que seria perpetrado por Bolsonaro e suas hordas da extrema-direita com o apoio de setores militares, principalmente ligados as polícias. A LBI vem alertando a vanguarda classista que esse cenário é uma completa ficção política criada pela Frente Popular para levar adiante sua política de colaboração de classes, fazendo alianças com os partidos burgueses como o PSDB, MDB, PSD e setores de “Centrão” em nome da pretensa “defesa da democracia”, uma aproximação política à direita neoliberal que de fato tem como objetivo fortalecer a candidatura Lula para 2022 sustentada por uma frente ampla burguesa contra Bolsonaro.

LULA LÁ... DE MÃOS DADAS COM OS PARTIDOS BURGUESES: 247, O PORTAL DE TODA A ESQUERDA DOMESTICADA, DO PT AO PCO, COMEMORA A CONSTRUÇÃO DA FRENTE AMPLA

O site “247”, um veículo midiático de toda a esquerda reformista, um arco político que vai do PT ao PCO, celebra que a recente viagem de Lula foi bem-sucedida para a formação de alianças regionais burguesas visando as eleições de 2022. Segundo o 247, “um balanço feito pela jornalista Andréa Jubé, do Valor, aponta que Lula costurou alianças com PDT, MDB e PSD na região”. Lula está fortalecendo os laços políticos para a eleição presidencial de 2022, avançando na frente ampla burguesa que vai do PSDB, MDB, PSD, setores do Centrão, passando pelo PT, PSOL, PDT, PSB, PCdoB e... abarcando até o PCO de Rui Pimenta, que também faz parte dos patrocinadores do portal 247 e de sua política de colaboração de classes.

03 ANOS DA “FACADA” EM BOLSONARO: QUANDO A ESQUERDA REFORMISTA PRESTOU SOLIDARIEDADE COM O NEOFASCISTA EM NOME DA “DEFESA DA DEMOCRACIA”

Era tarde de uma quinta-feira, dia 6 de setembro de 2018, há exatos 3 anos, quando o então candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, levou uma facada durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG). O golpe na barriga foi desferido por Adélio Bispo de Oliveira, preso por apoiadores. Analisando as imagens da facada não foram encontradas uma única gota de sangue na camisa que Bolsonaro, tudo levando a crer que se tratou de uma "fakeada". Como o Blog da LBI analisou na época em um atentado terrorista ainda envolto em circunstâncias muito “estranhas”, para falar apenas o mínimo, o então candidato neofascista foi alvo de uma “facada”, aparentemente desferida por uma pessoa com supostos "distúrbios" mentais. Não há nada conclusivo neste atentado, sequer podemos afirmar que assumiu a gravidade letal com que a mídia corporativa tratou o fato. Sabemos historicamente que os “barões murdochianos” são capazes de produzir qualquer “Fake News” e esta constatação não faz parte de qualquer adesão as “teorias da conspiração”, utilizada sempre para desqualificar as denúncias feitas pela esquerda revolucionária.

DEPOIS DAS VACINAS QUE NÃO IMUNIZAM... PFIZER ANUNCIA “PÍLULA CONTRA A COVID” PARA SER VENDIDA ATÉ O FINAL DO ANO

A Pfizer está agora desenvolvendo uma pílula Covid projetada para ser tomada junto com as vacinas que já geraram muito dinheiro para a mega-empresa da Big Pharma. A gigante farmacêutica está tão confiante de que seus comprimidos serão aprovados, e provavelmente obrigados, que iniciou a produção antes mesmo do término dos testes clínicos. A nova pílula deve ser lançada até o final do ano e deverá ser tomada duas vezes por dia, engordando seus os lucros bilionários na pademia.

domingo, 5 de setembro de 2021

FASCISMO SANITÁRIO ENTRA EM CAMPO PARA PRENDER ATLETAS SADIOS EM UM TRIBUTO AOS INTERESSES COMERCIAIS DOS PRODUTOS DA BIG PHARMA (TESTES PCR E VACINAS): MIDIOTAS DA ESQUERDA REFORMISTA CORROMPIDOS PELO CAPITAL FINANCEIRO DIZEM QUE AÇÃO FOI EM “DEFESA DA CIÊNCIA”

Hoje técnicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a serviço do fascismo sanitário, entraram literalmente em campo e interromperam o jogo entre Brasil e Argentina pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. Segundo a Anvisa, um mero braço burocrático manietado pelos interesses comerciais da Big Pharma, a paralisação aconteceu para impedir que quatro jogadores argentinos que vieram da Inglaterra e não cumpriram quarentena disputassem o confronto futebolístico contra a seleção brasileira. Diante da intervenção policial, com a bola já rolando, a seleção argentina deixou o campo e foi para o vestiário. Um show de obscurantismo medieval que prega o confinamento social e até a clausura, praticado em nome de uma suposta “ciência”, que de científica não tem absolutamente nada! Na verdade esta “ciência” publicitada pelo consórcio mundial da mídia corporativa é pura fraude histórica, não passa de um novo dogma religioso, utilizado para causar o medo e pânico entre os explorados do mundo todo, que estão submetidos ao crivo de um “teste PCR” para não serem considerados “empestados” e conseguirem um “passe sanitário” para poder exercerem o direito democrático elementar do livre trânsito. Porém segundo o próprio criador do PCR, Kary Mullis ganhador do prêmio Nobel de química, seu invento (Reação em Cadeia da Polimerase) não poderia ser usado para aferir doença alguma, muito menos a Covid ou mesmo uma simples gripe viral.  A esquerda reformista, corrompida pela Governança global do capital financeiro, organização que patrocinou a pandemia mundial do coronavírus através do Fórum de Davos e seus satélites como a OMS, apoiou e aplaudiu o show de horrores perpetrado pela Anvisa/PF, passou de malas e bagagens para o campo ideológico e material do “Imperialismo Democrata” e seu Centro Civilizatório Internacional. Todos aqueles que ousam desmistificar os absurdos da falsa ciência da Big Pharma, são logo taxados de “negacionistas” por negarem a nova crença religiosa das corporações farmacêuticas, travestida cretinamente de “Defesa da Vida”... É preciso resgatar o que a humanidade construiu de melhor ao longo dos últimos séculos: A genuína Ciência e não os interesses comerciais das corporações financeiras globais!

OS CRIMES DE STALIN E AS “REVOLUÇÕES COLORIDAS”: REVISIONISTAS IMPIEDOSOS CONTRA A ANTIGA URSS E TÃO GENEROSOS COM O IMPERIALISMO DEMOCRATA... 

Pululam nas redes sociais uma série de denúncias que reverberam os “crimes do Stalinismo”. Como Trotskistas não temos qualquer “simpatia” pela figura pessoal de Stálin e do papel político e histórico que jogou na liquidação da vanguarda bolchevique, organizando os Processos de Moscou contra as oposições internas e preparando pessoalmente o assassinato do fundador da IV Internacional. Foi a política de pacto com Hitler primeiro e defesa da “paz mundial” com o imperialismo depois que abortou e traiu as revoluções no pós-guerra. Entretanto, como Marxistas Revolucionários, consideramos a burocracia stalinista um produto do isolamento e da degeneração do Estado Operário soviético, ela como casta parasitária teve um papel dual: ao mesmo tempo que solapava suas bases por sua orientação política e econômica equivocada se viu obrigada “por métodos torpes” a defender a URSS, fonte de sua própria existência social. Os que hoje escrevem laudas e mais laudas enumerando os “crimes de Stálin” e não fazem qualquer menção a essa dualidade são os que se negaram a defender a URSS mesmo degenerada quando esta foi liquidada pela ação de uma ala da burocracia (Yeltsin) que se converteu em agente direta do imperialismo ianque e europeu, rompendo com o PCUS.

sábado, 4 de setembro de 2021

MANIFESTO AO 7 DE SETEMBRO 

ABAIXO A DITADURA “DEMOCRÁTICA” DO CAPITAL, O VERDADEIRO REGIME “CIVIL” QUE ATACA AS LIBERDADES DEMOCRÁTICAS E EXPLORA A CLASSE TRABALHADORA! 

DERROTAR O FASCISMO SANITÁRIO PATROCINADO PELO FÓRUM DE DAVOS/OMS E SEUS CAPACHOS, COMO BOLSONARO, LULA E OS GOVERNADORES GENOCIDAS!

LUTAR NAS RUAS CONTRA A NOVA ORDEM MUNDIAL DO CAPITAL FINANCEIRO!

EM DEFESA DA REVOLUÇÃO SOCIALISTA E DA DITADURA DO PROLETARIADO! 

Neste 7 de setembro estão sendo convocadas manifestações em apoio ao acuado governo Bolsonaro. A esquerda domesticada, sob o comando do PT e da CUT, alardeia que nesta data o presidente neofascista desferirá um “golpe contra a democracia” e também convocou atos ordeiros e pacíficos de protestos. Lula e todo arco político do chamado “Centro Civilizatório” burguês, incluindo tucanos como Dória, FHC e os banqueiros agrupados na Febraban, chamaram a “defender o STF e harmonia entre os 3 poderes” da república que sustenta o verdadeiro regime político exceção vigente. Esse chamado da Frente Ampla burguesa de oposição a Bolsonaro trata-se de um engodo político contra os interesse dos trabalhadores: o verdadeiro cerco as liberdades democráticas vêm se impondo justamente pelas mãos dos executivos nas três esferas, legislativos, do judiciário e as demais instituições republicanas que pavimentam o fascismo sanitário sob o pretexto de combater a pandemia do Covid-19.