domingo, 31 de janeiro de 2021

31 JANEIRO DE 1943: HÁ 78 ANOS DA ÉPICA VITÓRIA DO POVO SOVIÉTICO NA BATALHA DE STALINGRADO

Há 78 anos atrás, em janeiro de 1943, o Marechal Von Paulus, comandante do 6º Exército alemão em Stalingrado, se rendia às forças do Exército Vermelho, encerrando a maior e mais sangrenta batalha da II Grande Guerra Mundial. Desde a invasão da União Soviética pelas tropas da coalizão hitlerista em junho de 1941, a região sul da URSS era cobiçada pelos nazistas. A tomada de Stalingrado foi planejada visando a conquista dessa cidade que tinha vários pontos estratégicos reunidos lá: era um grande complexo industrial, importante para o esforço de guerra soviético e que poderia ser convertido para os interesses alemães, era um importante entreposto do Rio Volga, um dos maiores canais hídricos de comunicação da URSS e também era a última grande cidade no caminho do Cáucaso e das regiões ricas em petróleo da URSS.

GOLPE DE ESTADO NA BIRMÂNIA (MYANMAR) MILITARES DETEM O PRESIDENTE E A PRIMEIRA MINISTRA: DERROTAR O GOLPISMO DOS REACIONÁRIOS MILITARES COM A MOBILIZAÇÃO DIRETA DA CLASSE OPERÁRIA!

A Primeira Ministra da Birmânia (Myanmar) Aung San Suu Kyi, o presidente do país, Win Myint, além de outras figuras de destaque do partido governante, foram detidas durante uma operação militar golpista realizada nas primeiras horas desta segunda-feira (01/02), informou um porta-voz do governo citado pela agência Reuters de notícias. Segundo o porta-voz, Myo Nyunt, que conversou com a Reuters por telefone, Aung San Suu Kyi, a ganhadora do prêmio Nobel da Paz em 1991 e conselheira de Estado da Birmânia e o presidente do país, Win Myint, foram "levados" junto com outras lideranças políticas nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (horário local,domingo a noite no Brasil). “Quero dizer a nossa gente que não responda de forma precipitada e quero que atuem conforme a lei", afirmou o secretário de justiça, que acrescentou que também esperava ser preso pelas forças militares do país asiático.

“SANTA ALIANÇA” CONTRARREVOLUCIONÁRIA: RUI PIMENTA E O PASTELÃO GOLPISTA FOLHA DE SÃO PAULO UNIDOS PARA FALSIFICAR AS VERDADEIRAS POSIÇÕES DE TROTSKY SOBRE O STALINISMO

Rui Pimenta acaba de ser entusiasticamente elogiado pela Folha de São Paulo por atacar sob a ótica da direita reacionária Josef Stálin, falsificando as genuínas posições de Trotsky sobre o Secretário-Geral do PCUS, que ocupou o lugar de Lenin após sua morte. Na reportagem em questão, o pastelão golpista que apoiou a “ditabranda” no Brasil afirma em êxtase “Curso do PCO sobre stalinismo retrata ditador soviético como santo do capitalismo”. Segundo o jornal burguês “O santo padroeiro do capitalismo. Deveria ser São José Stálin, o salvador do capitalismo, diz o presidente do PCO” e completa “O stalinismo e a direita têm muito mais em comum do que um contra o outro. Esse negócio dos stalinistas se apresentarem como grandes inimigos da burguesia, e essa do stalinismo, é uma farsa”, diz Rui Pimenta. Como o PCO caracteriza publicamente a LBI a representação do “Trotskismo stalinista” no Brasil, nos acusando caluniosamente “Grupo tenta surfar na onda ‘neostalinista’ para, através de falsificações, defender Stálin” (DCO, 21.09.2020) somos obrigados a entrar nesse debate político que unifica a Folha de São Paulo e o Rui Pimenta em uma “santa aliança” contrarrevolucionária voltada a falsificar as verdadeiras posições de Leon Trotsky, fundador da IV Internacional, sobre a figura de Stálin. A “onda” que Rui pretende surfar já perdura mais de um século, é exatamente a “onda” da mídia corporativa contra tudo que esteve vinculado ao antigo Estado Operário Soviético!


CORONAVÍRUS: AS ORIGENS “SOMBRIAS” DO PATÓGENO QUE AMEDRONTA A HUMANIDADE, PORÉM TRAZ UMA IMENSA FELICIDADE PARA OS RENTISTAS DE DAVOS 

Os Estados Unidos são o país que mais investiu fundos estatais e recursos militares em pesquisas de armas biológicas, sempre com o título de “biodefesa”. Isso inclui a manipulação genética  de vírus e bactérias para torná-los mais infecciosos para os humanos, supostamente em busca de vacinas ou antídotos contra eles, mas na realidade uma preparação para uma guerra contra adversários, seja híbrida ou convencional. Somente os idiotas da esquerda reformista acreditam que os laboratórios de segurança estratégica dos EUA existem para proteger a “vida da humanidade”. A manipulação genética de qualquer vírus, através do cruzamento genético do DNA ou RNA dos patógenos, já e algo relativamente simples e para os cientistas do Pentágono, e também não é mais segredo para nenhum estudioso em biogenética. Afirmar que a existência da manipulação genética dos vírus em laboratórios é uma “teoria da conspiração”, parece risível para qualquer especialista nesta questão. 

MANIFESTAÇÕES EM APOIO AO LÍDER OPOSITOR ALEKSEI NAVALNY: O CARNICEIRO "DEMOCRATA" BIDEN MOVE SUAS PEÇAS NO TABULEIRO DA POLÍTICA RUSSA PARA DESGASTAR PUTIN


Neste final de semana ocorreram em Moscou e outras grandes cidades da Rússia (São Petersburgo, Vladivostokmanifestações em apoio a Aleksei Navalny, oposicionista russo aliado do imperialismo ianque e europeu. Foram realizadas detenções em uma manifestação não autorizada na Praça Pushkin em Moscou, que reuniu cerca de 4.000 pessoas, segundo o Ministério do Interior. No local também estava presente um grande número de jornalistas estrangeiros. A mulher do opositor, Yulia Navalnaya, também participou de protesto e informou em uma rede social que foi temporariamente detida. Como se observa esses protestos comandados por grupos direitistas no interior da Rússia são apoiados por Biden e a Casa Branca para desgastar Putin. 

APÓS DOZE ANOS DE OCUPAÇÃO MILITAR DOS GOVERNOS PETISTAS: HAITI RETORNA TRILHA DE LUTA E TRABALHADORES CONVOCAM GREVE GERAL PARA OS PRIMEIROS DIAS DE FEVEREIRO

O Haiti, país mais pobre da América Latina, sofreu uma intervenção militar estrangeira por mais de 13 anos, 12 dos quais a invasão foi liderada pelos governos brasileiros do PT (2004 a 2016). Durante todos esses anos a população haitiana conviveu com estupros, assassinatos, desaparecimentos e pilhagem econômica, tudo isso comandado pelo exército brasileiro que estava sob as ordens de Lula e Dilma Rousseff respectivamente. Mas agora o combativo proletariado haitiano retoma sua trilha de luta e volta a se organizar de forma independente. Um grupo de sindicatos haitianos convocou nesta última quinta-feira uma greve geral para os dias 1 e 2 de fevereiro para exigir a renúncia do corrupto presidente Jovenel Moïse e para protestar contra a crescente insegurança social e econômica que cruza o país.

sábado, 30 de janeiro de 2021

CIA, A MAIOR ORGANIZAÇÃO NARCO-TERRORISTA DO PLANETA: SERÁ MAIS UMA DENÚNCIA LOUCA DA “TEORIA DA CONSPIRAÇÃO” OU PURA REALIDADE?

Com a hegemonia absoluta do capital financeiro diante de uma esquerda reformista, totalmente domesticada, é “moeda corrente” nos meios políticos e nas redes sociais que os papagaios da mídia corporativa acusem as análises marxistas de “teoria da conspiração”, principalmente as abordagens que revelam o âmago criminoso do Deep State. Para o reformismo, a pandemia transformou as instituições multilaterais do capital, as verdadeiras responsáveis pelo genocídio dos povos, como “defensora da vida e da ciência”, e toda crítica feita ao Deep State, OMS, ONU, Banco Mundial, Big Pharma... e pasmem até mesmo a assassina CIA, é logo taxada de “teoria da conspiração”... A esquerda Marxista-Leninista que mantém vivo o combate ao braço terrorista do capital financeiro, agora é considerada pelo reformismo como “negacionista”. Por sinal em seu livro “Teoria da Conspiração na América”, publicado em 2013, o professor da Universidade do Estado da Flórida, Lance DeHaven-Smith, afirma que a expressão foi criada na década de 1960 pela própria CIA para desacreditar as “teorias conspiratórias” sobre o assassinato do ex-presidente norte-americano John F. Kennedy. Desgraçadamente agora a esquerda reformista passou de malas e bagagens para o campo de quem afirma que a burguesia imperialista é verdadeiramente “ética” e absolutamente incapaz de “conspirar” contra a vida dos povos. Fraudes, golpes, crimes, genocídios... em resumo: A guerra híbrida impulsionada para potenciar os interesses do capital internacional é pura invenção da cabeça louca de “conspiranóicos”! Entretanto a idiotice corrupta da esquerda reformista não é capaz de limpar o sangue nas “mãos sujas” dos terroristas e traficantes da CIA, apenas um dos apêndices do Deep State.

DIA DE PARALISAÇÃO NO BANCO DO BRASIL: BUROCRACIA SINDICAL CUTISTA “FAZ DE CONTA” QUE LUTA CONTRA OFENSIVA PRIVATISTA DE BOLSONARO&GUEDES 

Nesta última sexta (29/01) os trabalhadores do Banco do Brasil foram chamados a paralisaram somente por um dia suas atividades no país, o eixo político de convocação da burocracia sindical cutista se limitou a criticar “a reestruturação e o desmonte do banco que tem sido promovido por Guedes e Bolsonaro”, sem apontar a mobilização no sentido de uma verdadeira greve nacional de toda a categoria, seja dos bancários das estatais ameaçadas de privatização (BB, CEF, BNB, já em estado avançado desta ofensiva) seja dos trabalhadores das empresas privadas, em processo acelerado de demissões e cortes salariais. 

SETE ANOS DOS PROTESTOS GOLPISTAS “EUROMAIDAN” NA UCRÂNIA: ORGANIZADOS PELA CASA BRANCA & CIA... APOIADOS PELOS REVISIONISTAS DOS TROTSKISMO

Há exatamente sete anos, em janeiro de 2014, os acontecimentos na Ucrânia conhecidos como “Euromaidan” deram um salto de qualidade e ganharamm contornos de guerra civil. A oposição pró-União Europeia (UE) atuava em unidade com bandos fascistas para derrubar o governo do presidente Viktor Yanukovich, aliado da Rússia de Putin. Além das barricadas erguidas na Praça da Independência (em referência ao desligamento do país da antiga URSS), hordas de manifestantes ocuparam o Ministério da Justiça e exigiram eleições já, buscando assim dar um verniz democrático à ofensiva reacionária. Na verdade, esses grupos de direita patrocinados pelo imperialismo ianque e europeu desejavam de fato a mudança completa do conjunto do regime político, para impor em Kiev uma marionete alinhada servilmente aos interesses dos grandes monopólios.

sexta-feira, 29 de janeiro de 2021

LUTA DE MASSAS NA ÍNDIA: DEZENAS DE MORTOS NA MOBILIZAÇÃO CAMPONESA CONTRA A POLÍTICA AGRÁRIA DO GOVERNO NARENDRA MODI

Na última terça-feira (26/01) os camponeses indianos novamente se mobilizaram contra as leis de flexibilização adotadas pelo reacionário Primeiro-Ministro Narendra Modi, estas políticas que beneficiam grandes empresários do agronegócio em detrimento das pequenas fazendas rurais.Desde novembro do ano passado, 250 milhões de camponeses na Índia estão em estado de greve e nesta terça-feira as entidades sindicais convocaram uma mobilização nacional massiva em Nova Delhi, que terminou em repressão e confrontos violentos com a polícia. Vários manifestantes foram presos e há relatos de quase uma dezena de mortos e centenas ficaram feridos, assim como também alguns policiais no confronto.

“VACINA DA MORTE”: COMITÊ DE CIENTISTAS DA ALEMANHA RECOMENDA NÃO APLICAR A ASTRAZENECA-OXFORD A MAIORES DE 65 ANOS PELOS SEUS EFEITOS FATAIS

A Alemanha recomenda não usar a vacina AstraZeneca em pessoas com mais de 65 anos de idade. Uma declaração do Comitê de Vacinas do Instituto Robert Koch, principal órgão de saúde alemão, garantiu que não há dados suficientes para indicar que a vacina, também desenvolvida pela Universidade de Oxford, é eficaz nesse segmento da população, pelo que aconselham que só seja fornecido a menores dessa idade. A notícia do fiasco de umas das vacinas da Big Pharma, exatamente a que vinculava sua “imagem” a uma Universidade renomada como a de Oxford, não surpreendeu os verdadeiros cientistas (hoje chamados de negacionistas e conspitanóicos), pois já conhecem bem a trajetória mercantil da corporação imperialista, voltada para seus lucros e não para a saúde da humanidade. A AstraZeneca é uma das empresas da Big Pharma já condenada pela própria justiça dos Estados Unidos por suborno e corrupção cometidos em vários países do mundo.

 ESPECIAL FORD-TROLLER

 

quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

LBI REALIZA PANFLETAGEM E AGITAÇÃO NA FÁBRICA FORD/TROLLER PELA GREVE COM OCUPAÇÃO DIANTE DO ANÚNCIO DE FECHAMENTO DA PLANTA NO HORIZONTE. ESQUERDA REFORMISTA QUE DEFENDE O ISOLAMENTO SOCIAL DA CLASSE OPERÁRIA, PASSOU PARA O CAMPO PATRONAL DO GRANDE RESET E DA NOVA ORDEM MUNDIAL DO CAPITAL FINANCEIRO. CONCENTRAÇÕES PROLETÁRIAS (ASSEMBLÉIAS, MARCHAS E GREVES) DEVEM SER ELIMINADAS PORQUE REPRESENTAM UM “PERIGO DE CONTAMINAÇÃO”. OS “MASCARADOS” DO PT, PSOL, PCdoB E PSTU FORAM DEFINITIVAMENTE CONTAMINADOS PELO VÍRUS DA CONTRARREVOLUÇÃO, ACOVARDADOS PELAS ORDENS DA OMS SÓ QUEREM VER AS MASSAS BEM DE LONGE E QUANDO PASSAR A PANDEMIA....

A militância da LBI esteve hoje na fábrica da Ford-Troller na cidade de Horizonte, na grande Fortaleza, no Ceará, uma planta que conta com 500 operários. Rompendo o “distanciamento operário” imposto pela burocracia sindical ligada a CUT e a Força Sindical, nossos camaradas distribuíram durante o fim do turno da produção centenas de notas aos trabalhadores e dialogaram cara a cara com os operários sobre a necessidade de dar uma resposta operária ao fechamento das fábricas em São Paulo, Bahia e no Ceará. A expropriação de todo capital da empresa no Brasil seria o mínimo a ser feito, a ocupação de todas as plantas pelos trabalhadores já deveria ter ocorrido e chamada pelos sindicatos sob o eixo de luta de estatização da transnacional ianque sob o controle dos trabalhadores. Longe disso, a CUT, FS, os sindicatos dos metalúrgicos dos três estados, PT, PSOL, PCdoB defendem que a saída da Ford não tem nada a ver nem com a crise capitalista, nem com as medidas gerenciais de suporte às taxas de lucro com o enxugamento dos gastos com salários, todos defendem que o Estado burguês deveria dar mais incentivos fiscais e mais flexibilização trabalhista para a Ford ficar no Brasil.

“GRANDE RESET”: TEORIA DA CONSPIRAÇÃO OU TEORIA MARXISTA DA CRISE CAPITALISTA? 

Com o Democrata Biden na gerência do imperialismo ianque, a estrutura estatal de Washington aderiu novamente à agenda do Aquecimento Global celebrado nos “Acordos de Paris”, além é claro do retorno triunfante a OMS. Agora com uma China “enquadrada” e fazendo grandes promessas sobre o cumprimento das rigorosas normas de emissão de CO2 até 2060, o Fórum Econômico Mundial está mais a vontade para revelar o que irá realmente transformar a “antiga forma das relações sociais”, é claro que sob a ótica considerada pelos grandes rentistas. Klaus Schwab, o CEO de Davos chama sem meias palavras esta mudança de o “Grande Reset”. Este “fenômeno” se encaixa em uma agenda econômica e social que tem sido planejada há décadas por antigas famílias corporativas como Rockefeller e Rothschild, onde um membro do poderoso clã de rentistas chamou-o de “Fim do Estado Nação soberano”. Já David Rockefeller chamou-o de “um governo mundial” em consonância com o ingresso de uma “Nova Ordem Global”.

FORTUNA DOS MAIS RICOS CRESCE NA PANDEMIA: MILHARES NO “OLHO DA RUA” ENQUANTO OS BARÕES DO CAPITAL NÃO PARAM DE LUCRAR

Com a pandemia do Covid-19, a fortuna dos mais ricos do planeta aumentou em 31% em 2020. Apesar de ter afetado empregos, pequenas empresas e estados nacionais, na nova ordem mundial do terror sanitário a "saúde financeira" dos mais ricos do mundo não foi afetada negativamente nos últimos meses. Ao contrário, ela cresceu. Isso é o que mostra o Índice Bloomberg Billionaires, que classifica diariamente as pessoas mais ricas do planeta. E a economia desse seleto grupo de barões do capital apresentou crescimento de 31% no comparativo de 2020 com 2019. 

quarta-feira, 27 de janeiro de 2021

A BULA DA VACINA CORONAVAC: O QUE MUITOS AINDA NÃO LERAM E TAMPOUCO A MÍDIA CORPORATIVA QUER DIVULGAR...

O que diz a bula da vacina adsorvida covid-19 (inativada) do laboratório Sinovac, direcionada a profissionais de saúde? Começamos pelo final do documento, onde lemos: "Esta bula foi aprovada para uso emergencial pela ANVISA em 19/01/2021", ou seja, também esta vacina não foi aprovada no Brasil, ou em qualquer outro país, tendo sido apenas autorizado o uso emergencial devido à falta de dados sobre pontos essenciais correspondentes a largos grupos populacionais (como grávidas, alérgicos, cruzamento medicamentoso). Portanto a Vacina C0V1D-19 é um Sistema Operativo Genético, com possíveis graves reações alérgicas. 

“AGENDA DAVOS” DO FÓRUM ECONÔMICO MUNDIAL: A ELITE CAPITALISTA AINDA MAIS RICA NA PANDEMIA E MILHARES DE PESSOAS NA POBREZA ABSOLUTA DURANTE PELO MENOS UMA DÉCADA

“The Inequality Virus” foi um estudo publicado na abertura da “Agenda Davos” do Fórum Econômico Mundial que reúne virtualmente nestes dias justamente os grandes capitalistas que ganharam imensamente com a pandemia. O relatório da Oxfam sobre o “vírus da desigualdade” aponta que as 1000 pessoas mais ricas do planeta recuperaram suas perdas econômicas anterior ao COVID-19 em apenas nove meses de pandemia, enquanto milhares de pessoas viverão na pobreza absoluta por mais de uma década devido aos efeitos diretos dramáticos da pandemia nas condições de vida do povo explorado pelo modo de produção capitalista. 

terça-feira, 26 de janeiro de 2021

MASSAS LIBANESAS SAEM AS RUAS CONTRA O “TOQUE DE RECOLHER” SANITÁRIO: UMA JUSTIFICATIVA ESFARRAPADA PARA TENTAR CONTER A REBELIÃO POPULAR CONTRA O AJUSTE IMPERIALISTA

No Líbano, milhares de manifestantes foram às ruas das principais cidades do país pela segunda noite consecutiva para protestar contra a extensão das absurdas restrições as liberdades políticas, impostas pelo governo de coalizão. Massivos protestos estouraram nesta terça-feira (26/01) nas cidades de Beirute, Sidon e Tripoli.  Nesta última, a Cruz Vermelha Libanesa relatou vários feridos. Nos confrontos de ontem em Trípoli, principal cidade do norte do Líbano, a polícia atacou manifestantes que se opunham ao toque de recolher, decretado sob falsos pretextos sanitários. Na verdade a adoção do “estado de sítio” no país corresponde a grave crise econômica que castiga duramente a maioria da população libanesa, com a justificativa sanitária pretendem conter a latente rebelião popular.

HÁ 34 ANOS DA MORTE DE NAHUEL MORENO: A PANDEMIA DO CAPITAL FINANCEIRO TRANSFORMOU DEFINITIVAMENTE SEUS “HERDEIROS” EM INSTRUMENTOS DA CONTRA-REVOLUÇÃO IMPERIALISTA

Em 25 de janeiro de 1987, há 34 anos atrás, morria em Buenos Aires Hugo Miguel Bressano Capacete, conhecido na esquerda trotskista mundial como Nahuel Moreno. Sua militância política iniciara-se muito cedo em meio à efervescência operária dos anos 40, quando aos 20 anos de idade ajudou a fundar um pequeno núcleo político-sindical denominado Grupo Operário Marxista (GOM). Em quase 50 anos de militância foi o responsável pela fundação de várias organizações revisionistas na Argentina e América Latina, além de exercer influência sobre pequenos agrupamentos em outros países no qual desembocara a sua última “obra” a LIT. Para entendermos um pouco o pensamento de Moreno é necessário aportarmos à crise que se abateu sobre a IV Internacional após a morte de Leon Trotsky, em razão da inexperiência e debilidade da direção política. Ou seja, como Trotsky prognosticara, a Segunda Guerra Mundial provocou um enorme ascenso revolucionário na Europa e em várias regiões do planeta, no entanto os dirigentes da Quarta, Mandel, James Cannon, Joe Hansen, Pierre Frank, Michel Pablo, Lívio Maitán, Pierre Lambert, Gerry Healy e outros, não se colocaram à altura de suas tarefas, uma vez que esta não se tornou uma organização de massas, posto que segundo Moreno vários prognósticos de Trotsky para o período não se confirmaram. Moreno passa em razão deste “fracasso” a elaborar suas próprias explicações para os novos fenômenos surgidos no pós-guerra, as chamadas “atualizações programáticas” do Trotskismo. 

FIM DO AUXÍLIO EMERGENCIAL, DEMISSÕES, FECHAMENTO DE FÁBRICAS: “RECEITA” DA BURGUESIA FRENTE A CRISE ECONÔMICA FAZ VIRALIZAR A POBREZA E AS MORTES... ORGANIZAR NAS RUAS A RESISTÊNCIA OPERÁRIA E POPULAR!

Pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira (25) mostra que 69% dos brasileiros que receberam o Auxílio Emergencial que o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional negaram-se renovar em 2021 não encontraram outra fonte de renda para substituir o benefício liberado em função da pandemia de Covid-19. Ao contrário, a receita da burguesia e seus gerentes de plantão foi demissões em massa, fim do auxílio emergencial e fechamento de fábricas. Por sua vez, comércios fechados e explosão do desemprego não abalaram a saúde financeira dos multimilionários, pelo contrário, aumentou a concentração de renda no Brasil e no mundo.

130 ANOS DO NASCIMENTO DE ANTONIO GRAMSCI: A TRAJETÓRA DO GENAIL DIRIGENTE COMUNISTA QUE ELABOROU UMA CONTUNDENTE CRÍTICA TEÓRICA A DEFORMAÇÃO DO MARXISMO OPERADA POR STÁLIN 

Neste mês de janeiro completa-se 130 anos do nascimento do grande comunista Antonio Gramsci. Em sua homenagem nos Trotskistas ressaltamos que é importante retornar à leitura, que em 1917, o militante sardo, então com vinte e seis anos, fez dos acontecimentos da Rússia, e também ao que dessa interpretação permaneceu em sua bagagem teórico-política mais madura como uma formulação rica em revigorar de forma principista o Marxismo. 

segunda-feira, 25 de janeiro de 2021

CARREATAS PARA IMPICHAR BOLSONARO: A ESTRADA MAIS CURTA NA DIREÇÃO DE MOURÃO E NA PRÓXIMA PARADA DÓRIA...

As carreatas convocadas neste último sábado pelo amplo arco da oposição burguesa ao governo neofascista, unificaram desde o PSTU, passando pelo PSOL e toda a Frente Popular do PT, até chegar aos Tucanos, fracassaram no seu objetivo de iniciar um grande movimento pelo impeachment de Bolsonaro. Desta vez não podem se queixar do boicote da mídia corporativa a sua ação, posto que os mafiosos da famiglia Marinho entraram de cabeça na campanha institucional do impedimento, colocando seu consórcio 24 horas no ar para defenestrar um patético presidente já “rifado” pela burguesia nacional e o imperialismo ianque. Entretanto apesar da campanha frenética da mídia murdochiana contra o “genocida”, o objetivo da campanha se restringe a demagogia eleitoral da oposição burguesa, sendo absolutamente circunscrita a classe média que diante do terror sanitário não se dispôs a conduzir seus luxuosos veículos pelas ruas das principais cidades do país. O eixo político escolhido pela Frente Ampla para a mobilização, não consegue atrair as grandes massas populares, que reivindicam emprego, renda e o fim da inflação descontrolada, questões é claro que não parecem afligir de imediato a classe média, que mais se preocupa em “não se contaminar e ficar trancada em casa”, evidentemente com os salários garantidos e confinada em seus imóveis próprios e casas de veraneio. Por isso o eixo “sanitário” da classe média e da Frente Ampla não vai galvanizar as massas, que estão nas ruas lutando cotidianamente pela sua sobrevivência diante da crise econômica capitalista. Por sua vez a burguesia avança na estratégia de “sangrar” lentamente o neofascista, até o ponto da maturação necessária para desfechar o impeachment parlamentar e empossar o milico torturador Mourão no Palácio do Planalto. O resultado da campanha do impeachment “sanitário” no sábado foram carreatas medianas, que estiveram muito longe de marcar um ponto de inflexão na conjuntura nacional.

“FASCISMO SANITÁRIO” NA HOLANDA: DEZENAS DE MANIFESTANTES PRESOS DURANTE PROTESTO CONTRA O TOQUE DE RECOLHER

Sob o pretexto de combater um “vírus letal” e “defender a vida e a ciência”, os governos burgueses da Europa estão desencadeando uma brutal ofensiva contra os direitos de organização e liberdades democráticas conquistadas pelo proletariado na derrota do nazifascismo em 1945. Como se sabe muito bem, o objetivo de qualquer toque de recolher é tirar as pessoas das ruas para estabilizar a situação política após um golpe de Estado. Claro, o direito de manifestar deve desaparecer, porque não é quem quer se manifestar, mas quem está autorizado pelo regime a permanecer com “salvo conduto”. 

APÓS DOIS ANOS DA TRAGÉDIA DE BRUMADINHO VALE SEGUE PROTEGIDA POR BOLSONARO E A JUSTIÇA BURGUESA: MINERADORAS QUE RAPINAM AS RIQUEZAS NACIONAIS SEGUEM DIZIMANDO O HOMEM E A NATUREZA 

A maior tragédia ambiental do Brasil completou dois anos neste 25 de janeiro de 2021. O rompimento da barragem da Vale em Brumadinho matou quase 300 pessoas e, até hoje, algumas vítimas ainda estão desaparecidas no meio da lama de rejeitos de minério. Passado dois anos, a produção de minério de ferro da Vale (VALE3) voltou ao nível recorde alcançado antes do rompimento da barragem em Brumadinho em 2019, que suspendeu operações e levou a acusações criminais, além das mortes voltarem a ocorrer, como a de um operário em dezembro de 2020 após o desmoronamento do talude de uma barragem!

domingo, 24 de janeiro de 2021

CENTRO CIVILIZATÓRIO GANHA OUTRA ELEIÇÃO: SOCIAL DEMOCRATA MARCELO REBELO TEM VITÓRIA ACACHAPANTE EM PORTUGAL... PORÉM PERDEU PARA ABSTENÇÕES E VOTOS NULOS 

O Social-Democrata, Marcelo Rebelo de Sousa, foi reeleito presidente de Portugal logo no primeiro turno com 61,64% dos votos válidos, neste domingo (24/01). No total, Marcelo teve 2.533.799 votos, enquanto a segunda colocada, Ana Gomes, teve 541.345 e o terceiro André Ventura, 496.583, de acordo com os dados divulgados pela emissora RTP. A abstenção foi de 60,51%, que somados a votos brancos e nulos superou a votação do atual presidente de Portugal. O candidato do Partido Comunista, João Ferreira, conquistou o quarto lugar (4,26%) e a dirigente do Bloco de Esquerda (uma versão portuguesa do PSOL), Marisa Matias, ficou em quinto com 3,93% dos votos. No total, apresentaram-se 7 candidatos, mas fundamentalmente um mesmo programa de reformas do capitalismo, desde a esquerda até a extrema direita todos afirmaram a vigência da propriedade privada dos meios de produção.

PZIFER E AZTRAZENECA: VENDERAM MAS NÃO “ENTREGARAM O PACOTE”, DÁ PARA CONFIAR NESTA “CIÊNCIA” DE NEGÓCIOS?

De acordo com o insuspeito Wall Street Journal, a União Europeia espera que 100 milhões de doses da vacina contra a Covid estejam prontas e envasadas durante o primeiro trimestre deste ano, mas muito menos da metade das esperadas vacinas chegarão aos países do Bloco que já pagaram adiantado pelo “pacote”, financiado é claro pelo Banco Central europeu. Em outras palavras, Astrazeneca e Pfizer prometeram uma produção que sabiam que não seriam capazes de realizar, mas não se constrangeram em embolsar mais de 2,5 bilhões de euros, só do primeiro lote fictício. Isto sem falar no “calote” muito maior dado aos outros países que não são considerados “nobres” por estes vigaristas da Big Pharma. No caso do Brasil, chantageando o governo neofascista Bolsonaro, a AztraZeneca chegou a renegociar o preço das vacinas para que o primeiro lote chegasse ao país (com atraso) pela via de sua subsidiária da Índia.

GUINADA À DIREITA DO GOVERNO MADURO: DOLARIZAÇÃO FINANCEIRA, ILUSÕES NO CARNICEIRO BIDEN, MANTER EM LIBERDADE GUAIDÓ E FORTALECIMENTO DA “BOLIBURGUESIA”

A chamada “Boliburguesia”, um poderoso setor capitalista da classe dominante na Venezuela acordou na “mesa de diálogo” com o governo Maduro um novo pacto de elites com a burguesia oligárquica ligada à direita. Este acordo consiste em impor de facto a flexibilização e desregulamentação das condições de trabalho, que se expressam em salários deprimidos, para garantir uma força de trabalho super explorada o serviço do capital, a ausência de acordos coletivos, a pulverização das prestações sociais e das pensões e reformas, a eliminação da estabilidade no emprego, a judicialização das lutas laborais e a quase prescrição das organizações sindicais. 

BINDEN ORDENA RETOMADA DA INVASÃO NA SÍRIA: PRIMEIRA MEDIDA DO “IMPERIALISMO DEMOCRÁTICO EM DEFESA DA VIDA, VACINAS E ISOLAMENTO SOCIAL”...

A agência de notícias estatal síria SANA relatou um acúmulo significativo de arsenal  bélico, com armas pesadas de artilharia pelas forças militares dos EUA na área ocupada de Hasakah, que o imperialismo confiscaram do território iraquiano. Primeiro objetivo estratégico no Oriente Médio da nova gerência Democrata da Casa Branca: pilhar o petróleo sírio e derrotar a resistência árabe e palestina contra o enclave sionista de Israel.

sábado, 23 de janeiro de 2021

AMAZON, A GIGANTE DO COMÉRCIO ELETRÔNICO ENTRA NO NEGÓCIO TRILIONÁRIO DA VENDA DAS VACINAS: DEFESA DA “CIÊNCIA E DA VIDA” OU DO AUMENTO DOS SEUS PRÓPRIOS LUCROS VENDENDO PLACEBO CONTRA A COVID

Amazon, o gigante do comércio eletrônico projetou seu apoio aos planos sanitários do novo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciando que irá entrar na campanha de vendas do fármaco da Moderna, para vacinar 100 milhões de cidadãos norte-americanos em 100 dias. A corporação imperialista ianque, teve seus ativos financeiros valorizados em mais de 70% durante os onze meses da pandemia global. Para concretizar sua meta, a Amazon vai inaugurar neste domingo(24/01) uma clínica emergente para vacinar a população contra o covid-19 em sua sede em Seattle (Washington, EUA), segundo nota divulgada nesta quinta-feira no site da multinacional. "Estamos ansiosos para ajudar a salvar vidas aqui em nosso estado natal, para reconstruir a economia com você e virar a página sobre o coronavírus assim que possível", explicou em um comunicado Jay Carney, vice-presidente sênior de Assuntos Corporativos Globais da Amazon.

10 ANOS DO LEVANTE POPULAR NA TUNÍSIA: MILHARES SAEM ÀS RUAS EXIGINDO A LIBERDADE IMEDIATA DOS 600 PRESOS POLÍTICOS ENCERCERADOS NA LUTA CONTRA A CRISE ECONÔMICA E O TERROR SANITÁRIO IMPOSTO NA PANDEMIA!

Nesta semana, quando se completou 10 anos do levante popular na Tunísia, milhares de pessoas foram às ruas para exigir a libertação de centenas ativistas presos por protestar contra o governo do primeiro-ministro tunisiano, Hichem Mechichi e a crise econômica-social agravada em meio a pandemia. Depois de três noites de confrontos entre a polícia e jovens manifestantes nos bairros mais pobres do país, foram detidos mais de 600 pessoas. Centenas de pessoas protestaram em várias cidades do país, desafiando a proibição de concentrações decretada a pretexto da pandemia. 

sexta-feira, 22 de janeiro de 2021

HÁ QUASE UM ANO DA “QUARENTENA GLOBAL”: UM PRIMEIRO BALANÇO MARXISTA 

Estamos na encruzilhada de uma das crises mais graves da história mundial. Somos agentes da história viva, mas nossa compreensão da sequência de eventos desde janeiro de 2020 até hoje ficou muito “turva”, em consequência da verdadeira avalanche de informações falsas, veiculavas como “a mais pura ciência”, por organismos midiáticos apelidados de “murdochianos” em função de tantas mentiras difundidas ao longo de sua existência sempre à serviço das classes dominantes. Em todo o mundo, a população foi enganada por seus governos capitalistas e pela mídia corporativa sobre as causas e consequências devastadoras da “pandemia” de Covid-19, seja do ponto de vista da ciência (infectologia) ou da economia capitalista.

AUMENTO DOS GASTOS MILITARES NO CURSO DA PANDEMIA: A III GRANDE GUERRA MUNDIAL NO HORIZONTE DAS DISPUTAS GEOPOLÍTICAS PELO CONTROLE DOS MERCADOS 

O gasto global no setor da Defesa crescerá aproximadamente 2,8% em 2021. Com este aumento, os custo da atividade militar vai superar os 2 trilhões de dólares. Estados Unidos, China, Índia, Rússia e Arábia Saudita foram em 2020 os cinco maiores investidores mundiais do setor militar. Juntos, esses países responderam por 62% de todo o gasto global na área. As grandes potências militares estão intensificando os gastos para o fortalecimento de suas Forças Armadas à medida que se intensificam as tensões geopolíticas no curso da pandemia mundial. Todos estes elementos caóticos da Nova Ordem, obviamente elevam a tensão da luta de classes a um grau superior e colocam no horizonte a ameaça de uma guerra nuclear, a III Grande Guerra, uma extensão política e econômica da disputa feroz pelo controle dos mercados de consumo e das reservas naturais da terra. 

DIDIER RAOULT AFIRMA: “NUNCA MUDAMOS DE IDEIA”. MÍDIA CORPORATIVA PUBLICITA FAKE NEWS À SOLDO DA BIG PHARMA 

Replicando a desinformação internacional proposital sobre a ineficácia do tratamento profilático da Covid, obviamente à serviço dos interesses econômicos da Big Pharma, a mídia corporativa brasileira, em particular a famiglia Marinho e seus tradicionais “instrumentos” de fake news, como a revista Época, publicaram no final da semana  passada uma mentira deslavada, na qual afirmavam que o renomado infectologista francês, Didier Raoult, principal defensor da utilização da hidroxicloroquina, teria mudado de ideia e dito que o medicamento “não reduz mortes por covid-19”. No entanto, o próprio pesquisador foi a público, em seu twitter, e desmentiu a interpretação deformada feita por jornais da França como o Le Fígaro e replicada no Brasil. 

HÁ TRINTA ANOS DA GUERRA DO GOLFO: “A MÃE DE TODAS AS GUERRAS” IMPERIALISTAS PARA UM MUNDO SEM A URSS

Para o presidente dos Estados Unidos, George Bush pai, a “Operação Tempestade no Deserto” não pretendeu somente a derrotar o Iraque, mas a estabelecer uma "Nova Ordem Mundial", em mundo já sem o contraponto do poderoso Estado Operário Soviético, no marco da agonia final do governo de Mikhail Gorbatchev. Tratava-se de mostrar que a URSS estava morrendo e de criar um mundo dominado plenamente pelo imperialismo ianque, seja no aspecto político, econômico e militar. Há trinta anos, na madrugada de 17 de janeiro de 1991, teve início no Golfo Pérsico a “Operação Tempestade no Deserto”, a guerra contra o Iraque que deu início à sequência de guerras e agressões imperialistas contra nações do mundo inteiro após o fim da chamada “Guerra Fria”.

quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

A VIGÊNCIA DO LENINISMO EM TEMPOS DE PANDEMIA: COMBATER A NOVA ORDEM CAPITALISTA DO “FASCISMO SANITÁRIO” REAFIRMANDO A LUTA PELA CONSTRUÇÃO DO PARTIDO MUNDIAL DA REVOLUÇÃO SOCIALISTA!

Homenageamos Lenin neste 21 de janeiro, 97 após sua morte, em meio a pandemia de Covid tirando lições preciosas de seu legado político e teórico. Como nos ensinou nosso chefe Bolchevique “A intenção impronunciável do capitalismo global é a destruição do Estado-nação e de suas instituições, o que causará pobreza mundial em uma escala sem precedentes”. Esta atualíssima citação de Lenin, datada de dezembro de 1915, no auge da Primeira Guerra Mundial, alerta para algumas das contradições que enfrentamos hoje. Não existe possibilidade de mediação para curso criminoso da dominação do rentismo global, as “inocentes” teses dos reformistas de “controlar e taxar” o fluxo do capital financeiro internacional, não passa de mais uma idiotice reacionária. Nesta etapa histórica não pode haver “meio termo”, ou seja, uma espécie de “capitalismo humanizado”, gerido pela esquerda Social Democrata mas baseado no “fascismo sanitário”. A disjuntiva colocada para a classe operária internacional, exatamente quando irrompe no cenário uma nova ordem mundial ainda mais reacionária e regressiva, não pode ser outra: Socialismo ou Barbárie como nos legaram nossos mestres Marxistas como Lenin!

MÁSCARA, O SÍMBOLO DA NOVA ORDEM MUNDIAL DE TERROR SANITÁRIO: USO CONTÍNUO NÃO PROTEGE DA CONTAMINAÇÃO, PROVOCA MAIOR PROPAGAÇÃO DO CORONAVÍRUS E GERA SÉRIAS DOENÇAS RESPIRATÓRIAS

O uso de máscaras em locais públicos é obrigatório na grande maioria dos países há meses do estabelecimento da pandemia. A orientação foi dada pela cúpula da OMS, logo após mudar a posição inicial contrária a obrigatoriedade das máscaras para a população em geral. Em 2019, um estudo da OMS não detectou “nenhuma evidência de que usar uma máscara seja eficaz na redução da transmissão da gripe, ou outras viroses”. Porém, em abril de 2020, com a necessidade de espalhar o pânico e o terror sanitário a partir dos interesses da Big Pharma e da governança global do capital financeiro, o uso das máscaras virou orientação oficial da OMS e mais que isso, um símbolo da Nova Ordem Mundial, porém sua utilização contínua e em massa por horas a fio nada tem a ver com uma precaução sanitária. 

REGIME DO IRÃ COLOCA TRUMP NA “LISTA NEGRA” DE ASSASSINOS PROCURADOS: PORÉM AIATOLÁS AINDA TEM ILUSÕES NO CARNICEIRO BIDEN

O governo do Irã colocou na “lista negra” de assassinos procurados, o presidente dos EUA, Donald Trump, e outros altos funcionários do imperialismo ianque, argumentando sua participação em "atos terroristas e contra os direitos humanos", relata a agência internacional de notícias Reuters. A medida permite o confisco de quaisquer bens das pessoas sancionadas na República Islâmica.  No entanto, o pedido é considerado simbólico, uma vez que até o momento não houve informações sobre o acatamento desta medida por outros países e tampouco dos organismos multilaterais da ONU. Além deste elemento claro da parcialidade da ONU em relação aos governos das nações imperialistas, Trump não possui ativos financeiros no Irã que possam ser confiscados.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2021

BIDEN ASSUME COM A MISSÃO DE INSTAURAR A NOVA ORDEM MUNDIAL DO “FASCISMO SANITÁRIO”: CARNICEIROS DEMOCRATAS MAQUIADOS DE “CENTRO CIVILIZATÓRIO” SÃO A PIOR “CEPA” DO IMPERIALISMO

A posse do carniceiro Biden como novo gerente da Casa Branca, do ponto de vista visual com a ausência do público, substituída por bandeiras, em meio a uma capital militarizada com cerca de 30.000 soldados da Guarda Nacional, 2.500 da policiais do próprio Capitólio e mais de 5.000 agentes da cidade de Washington, além de todos os órgãos federais como o FBI, instalando o perímetro restritivo de "zona verde" e vedado de "zona vermelha", cercas de arame farpado, blocos de concreto e veículos blindados do Pentágono, é apenas o primeiro sintoma da Nova Ordem Mundial do Fascismo Sanitário, principal motivo para o retorno dos “falcões” Democratas, a pior “cepa” gerada pelo imperialismo ianque, justamente porque vem literalmente mascarado de “Centro Civilizatório”.

ENCOBRINDO OS CRIMES DA BIG PHARMA: OMS ELOGIA VACINA DA PFIZER, ORIENTA SUA COMPRA GLOBAL... ENQUANTO ELA DEIXA UM RASTRO DE MORTES PELO PLANETA!

Apesar dos vários sinais de efeitos mortais da vacina da Pfizer pelo planeta, a OMS saiu em sua defesa e patrocina a compra pelos governos mundias. Segundo a direção da OMS, a vacina da Pfizer passou pela validação de uso emergencial graças a “segurança, eficácia e qualidade”. Apesar do rastro de morte deixado nos EUA, Israel, França e Noruega, a OMS acaba de incluir a vacina contra Covid-19 da gigante empresa norte-americana no sistema de compartilhamento da entidade, acelerando as entregas para países mais pobres semicoloniais, cujo povo é usado com verdadeiras cobaias com o objetivo de desovar rápidamente a produção da Pfizer. 

04 ANOS DO “ACIDENTE FATAL” QUE VITIMOU TEORI ZAVASCK: UMA FARSA “FABRICADA” NAS ENTRANHAS DO PODER BURGUÊS 

Completou-se 4 anos da morte do Ministro do STF, Teori Zavascki. Segundo a grande imprensa burguesa, “Polícia Federal não encontrou ‘ato intencional’ na morte do ministro Teori Zavascki, diz delegado” (G1, 20.01.2021). O delegado que a matéria se refere é Rubens Maleiner, que substituiu seu colega assassinado justamente para o resultado final do inquérito chegou a essa conclusão. Segundo a PF, “a hipótese de falha humana foi a ‘linha principal’ das apurações. Os elementos que atingimos conduziram a um desfecho não intencional e trágico naquele voo”. Entretanto para os Marxistas que conhecem muito bem o "jogo bruto" das elites capitalistas quando a taxa de lucro ameaça declinar, não resta a menor sombra de dúvida de que Teori foi "removido" do campo de batalha que não tolera vacilações.

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

PARA QUE A CHACINA DE MANAUS NÃO SE REPITA NO RESTANTE DO BRASIL: EXPROPRIAÇÃO E NACIONALIZAÇÃO DA WHITE MARTINS!

As mortes seguem no Amazonas em função da falta de oxigênio fornecido pela multinacional White Martins (WM) em meio a pandemia de Covid-19, uma mega corporação internacional que detém o monopólio da produção de gases no Brasil e em toda a América Latina, controlada pelo complexo transnacional “LINDE PLC” com sede nos EUA. Sete pacientes internados com suspeita de Covid-19 no hospital da cidade de Coari, distante 450 km de Manaus pela via fluvial, morreram por falta de oxigênio nesta terça-feira (19), segundo a prefeitura. Em nota, a prefeitura de Coari informou que deveria ter recebido 40 cilindros de oxigênio na segunda-feira (18) da White Martins, mas a aeronave que levaria os tanques acabou viajando para Tefé (AM) e ficou impossibilitada de retornar, pois o aeroporto não aceita voos noturnos, colaposando o sistema de saúde local. Em todo o estado desde o começo da pandemia, mais de 6,3 mil pessoas já morreram devido ao sucateamento do sistema de saúde pública. Por sua vez, a rede privada tem recorrido a justiça para obrigar a manutenção do fornecimento de gás pela empresa. A determinação do envio imediato de oxigênio foi assinada pelo titular da 1ª Vara da Comarca de Coari, juiz Fábio Alfaia. Em caso de descumprimento, o juiz fixou multa diária no valor de R$ 100 mil, com limite máximo de R$ 10 milhões, contra o governo, o secretário estadual de Saúde e a empresa fornecedora, White Martins. Essas medidas são extremamente limitadas e insuficientes! Defendemos a expropriação e nacionalização da White Martins sob o controle dos trabalhadores para impedir que a chacina que ocorre no Amazonas se estenda para todo o país, além da ampliação e fortalecimento da rede pública de hospitais!

SAI TRUMP, ASSUMEM BIDEN-KAMALA: POSSE DOS CARNICEIROS “DEMOCRATAS” SIMBOLIZARÁ O INGRESSO NA “NOVA ORDEM MUNDIAL” DO IMPERIALISMO “CIVILIZATÓRIO” COM ISOLAMENTO SOCIAL E CONTROLE SANITÁRIO!

Amanhã, 20 de janeiro, Donald Trump deixará a Casa Branca e assumirá o carniceiro “Democrata” Joe Biden como presidente dos EUA. O grande capital celebra, as bolsas sobem e a esquerda domesticada a nova ordem mundial com isolamento social e controle sanitário também aplaude. Nesse contexto de felicitações, os falcões ligados ao complexo industrial militar se mostram prontos agora para voltar em cena com Biden-Kamala, já que o palhaço reacionário Trump fracassou em quase todos seus impulsos guerreiristas, nem mesmo a Venezuela de Maduro conseguiu atacar. 

segunda-feira, 18 de janeiro de 2021

ESPETÁCULO DE MISTICISMO PATROCINADO PELOS NEGÓCIOS DA BIG PHARMA E VENDIDO COMO “PURA CIÊNCIA”: TODO TIPO DE “CLAMOR NACIONAL” INDUZIDO PELO CAPITAL FINANCEIRO É A VIA MAIS CURTA PARA O NAZISMO!

As cenas das primeiras vacinações em território nacional, logo após os burocratas cartoriais da Anvisa liberarem o lote importado da China pelo governador tucano de São Paulo, revelaram claramente que a operação “vacinação já”, impulsionada freneticamente pelo consórcio de bandidos da mídia corporativa, nada tem a ver com “ciência pura”. É na verdade um verdadeiro espetáculo de misticismo, patrocinado pelos negócios trilionários da Big Pharma, que obviamente gerou no país um clima de “clamor nacional”, parte pelo medo justificado da população aterrorizada com a pandemia, parte induzida pelos mecanismos (aparelhos) ideológicos do capital financeiro. A verdade é que em todas as vezes na história da humanidade que as elites dominantes decidem criar uma “unanimidade nacional”, elegendo sempre é claro um “vilão social” que via de regra é linchado pelo “clamor popular”, o resultado foi a instauração de regimes ultra totalitários, que podiam ser desde o domínio absoluto da Santa Sé em Roma (Idade Média), até o surgimento Nazifascismo europeu nas primeiras décadas do século passado. Desta vez as “bruxas” que questionam a mítica inquisição da Nova Ordem Mundial do Controle Sanitário, são taxadas de “negacionistas” e ameaçadas de banimento e prisão, caso não reconheçam o “poder supremo e  infalível da OMS”, este parece ser o caso do cientista francês Didier Raoult, submetido a um Tribunal Inquisitório por defender a cloroquina como um fármaco profilático em relação a Covid, sua “autocrítica” forçada sob ameaças de prisão, só comprova que estava absolutamente certo anteriormente, e assim como Galileu ou Bukarin a história o absolverá, revelando de que lado estava a verdadeira ciência!

ENQUANTO O BRASIL ASSISTE O “SHOW” DA CURA MILAGROSA VOTADA PELA ANVISA: NOS EUA 96 PESSOAS JÁ MORRERAM POR RECEBER A VACINA DA PZIFER

A aprovação das vacinas da Sinovac e AztraZeneca pela cúpula da Anvisa, se assemelhou mais a um show teatral da promessa da “cura milagrosa” voltada para uma população aterrorizada pela mídia murdochiana e desesperada por uma solução rápida para dar fim à uma pandemia que já dura quase um ano. Os diretores do Órgão Sanitário, mais assemelhados a burocratas cartoriais do que a cientistas (que realmente não são), não deram nenhum parecer técnico sobre as características imunizatórias das vacinas aprovadas, se limitando a repetir os próprios boletins dos laboratórios já amplamente divulgados na imprensa por razões óbvias. Votaram e vaticinaram como “juízes” de uma Corte, proferindo filosofias religiosas citando até Dalai-lama, tudo menos relatórios científicos analíticos que fossem elaborados para além dos escritórios das corporações da Big Pharma. Também seguiram o mantra da OMS, condenando qualquer tratamento clínico e farmacológico preventivo contra a Covid, em resumo os diretores da Anvisa votaram com “o relator”, ou seja, com a governança global do capital financeiro sedenta em realizar lucros: “A única salvação para a humanidade são as vacinas!”. Entretanto enquanto o Brasil assistiu ao show do cretinismo midiático de uma Anvisa cartorial e acossada pelo “clamor popular”, as vacinas (negócios) da Big Pharma continuam matando no mundo inteiro, informes trágicos chegam de Israel, Noruega e agora dos EUA.

PROFESSORA RAQUEL VARELA FAZ ALERTA SOBRE O CONFINAMENTO EM PORTUGAL E QUESTIONA A VALIDADE DOS TESTES PCR: “HÁ MILHARES DE PESSOAS A TESTAR POSITIVO QUE NÃO ESTÃO DOENTES”! 

No momento em que o governo António Costa, primeiro-ministro português pelo Partido Socialista, impôs um duro confinamento social, com o apoio da direta (PSD) e da esquerda reformista (PCP, Bloco de Esquerda), a professora universitária, investigadora e historiadora portuguesa Raquel Varela, colunista do Esquerda On Line (direto de Lisboa), portal do grupo Resistência (PSOL), fez um importante alerta no seu blog acerca dos efeitos nefastos do chamado “isolamento social” e questiona a validade dos resultados dos testes PCR. No artigo “Quem ‘está nas ambulâncias’?” ela critica a política de terror sanitário adotada pela Social-democracia portuguesa a partir dos testes usados para Covid-19. Varela afirma que “Há milhares de pessoas a testar positivo que não estão doentes. Estar positivo não é estar doente. Todas as pessoas se forem procurar em PCR partículas de alguns vírus encontrarão dentro de si partes de vírus ou de outros microrganismos. Isso não significa ter um diagnóstico clínico. É preciso olhar para quem está doente e quem é vulnerável e não para casos positivos porque estar positivo não é estar doente” (17.01).

CONSELHEIRO DE SEGURANÇA DA RÚSSIA ADVERTE: “O GRANDE RESET É UM PROJETO IMPERIALISTA PARA DESTRUIR OS ESTADOS NACIONAIS”

Andrey Ilnitsky, Conselheiro militarrusso lançou uma grave denúncia: “O Grande Reset é um Projeto imperialista para Destruir os Estados Nacionais. Sejam as origens do coronavírus naturais ou não, a realidade é que a pandemia do covid se tornou um instrumento útil para promover a agenda globalista dos senhores do mundo. O Fórum Econômico Mundial agora pretende impôr o ‘Grande Reset’ a todos os países do mundo, com o objetivo de estabelecer a ditadura tecnocrática direta das megacorporações. Desequilibrar a economia e os sistemas de saúde dos Estados nacionais é a principal tarefa do projeto coronavírus, o que tem sido feito com sucesso”.

BIDEN PROVOCA A RÚSSIA: CARNICEIRO “DEMOCRATA” EXIGE A LIBERDADE DE ALEKSEI NAVALNY, LÍDER OPOSITOR A PUTIN E PIVÔ DA FARSA DO ENVENENAMENTO

Por ordem do carniceiro "Democrata" Joe Biden, Jake Sullivan, o futuro assessor de Segurança Nacional, cinicamente apelou pela liberação do oposicionista russo Aleksei Navalny detido no domingo (17) em aeroporto de Moscou e pivô da farsa do envenenamento montada para provocar a Rússia. “O senhor Navalny deve ser imediatamente liberado, e os perpetradores do ultrajante ataque à sua vida devem ser responsabilizados", escreveu Sullivan no Twitter. Por sua vez, a representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova exortou o representante do imperialismo ianque a respeitar a soberania russa e tratar dos problemas em suas nações. “O que quero dizer ao senhor Sullivan (bem como a muitas outras personalidades estrangeiras que publicam comentários preparados de antemão): respeitem o direito internacional, não interfiram na legislação nacional de países soberanos e tratem dos problemas em seu próprio país”.